• Capa
  • Europa
  • Imperialismo mobiliza bielorrussos fora do país pelo golpe

Oposição mobiliza estrangeiros

Imperialismo mobiliza bielorrussos fora do país pelo golpe

Lukashenka vem estabilizando a situação na "última república soviética"

50293798278_ee85cdc0a5_k

Manifestação da oposição em Minsk utilizando bandeira pró-imperialista de três cores. – Natallia Rak

Redação do DCO

A Bielorrússia vem passando por sucessivas tentativas de desestabilização após o pleito realizado no dia 9 de agosto de 2020. Nessa oportunidade, o imperialismo tentou colocar no governo, por meio de um golpe aos moldes bolivianos, sua representante, Sviatlana Tsikhanouskaia. Entretanto, a oposicionista recebeu pouco mais de 10% dos votos. Seguidamente, após as eleições de agosto, a oposição realizou diversos atos, incluindo manifestações, tentativas de sabotagem e ataques a agentes da repressão estatal. Além disso, também foi chamada uma “greve geral” que, de acordo com os organizadores, “colocaria fim ao regime de Alexander Lukashenka”. Entretanto, essa iniciativa foi outro retumbante fracasso, apesar de todo apoio do imperialismo.

Agora, o mais novo movimento golpista se dá através de uma mobilização dos cidadãos que vivem no exterior, prioritariamente na Ucrânia, Letônia, Polônia e Lituânia. Como consequência desse fato, centenas de pessoas foram impedidas de cruzar a fronteira entre os países citados e Belarus, por questões de segurança nacional, uma vez que eles agiriam como agitadores em protestos. Além disso, em países como Alemanha e Brasil, alguns bielorrussos organizaram o que eles chamaram de “embaixadas alternativas”. Entretanto, essa embaixada não tem autoridade alguma, e servem apenas como chamariz para a mídia capitalista. É importante dizer que esses recentes esforços da oposição visam a garantir forças para que sejam aplicadas sanções econômicas contra a ex-república soviética. Recentemente, encontra-se na mira do imperialismo a fábrica de fertilizantes Belaruskali. Além disso, a oposicionista Sviatlana Tsikhanovskaia conclama os países imperialistas a tirar o seu país natal do sistema bancário Swift, impossibilitando-o de realizar transações bancárias internacionais.

Artigos Relacionados

Por fim, vale ressaltar que os oposicionistas utilizam uma bandeira alternativa, que possui as cores branco-vermelho-branco, bem diferente da bandeira verde e vermelha.  É válido lembrar que as atrocidades cometidas pelos nazistas contra a população de Belarus foram feitas com ajuda dos colaboradores que usavam essa bandeira. Além disso, esse símbolo é totalmente anti-soviético e pró-imperialista. Essa foi a bandeira escolhida pela burocracia que deu fim ao estado operário, levando a população à fome e à miséria. Por esses motivos, a bandeira branca-vermelho-branca é amplamente rejeitada pela população do país, que votou em referendo pelo retorno dos símbolos da Bielorrússia Soviética.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.