• Capa
  • Europa
  • Croácia cogita necessidade de saída da OTAN do leste europeu

Tensão na Ucrânia

Croácia cogita necessidade de saída da OTAN do leste europeu

Zagreb quer retirar soldados da OTAN no Leste Europeu em caso de escalada entre Rússia e Ucrânia

3214

Tropas da OTAN no leste europeu ameaçam a Rússia – Foto: US Naval Institute

─ Sputnik News ─ As autoridades da Croácia, em caso de conflito entre a Rússia e a Ucrânia, vão retirar suas tropas das forças da Aliança Atlântica no Leste Europeu, anunciou hoje, terça-feira (25), o presidente do país, Zoran Milanovic.

“Vejo relatos segundo os quais a OTAN, não um determinado país, não os EUA, está aumentando sua presença, enviando navios de reconhecimento. Nós não temos nada a ver com isso, nem vamos ter, isso eu posso garantir”, declarou o presidente Milanovic no ar da televisão nacional.

“Nós não só não vamos enviar militares, mas, caso ocorra uma escalada, vamos retirar todos os soldados croatas até o último”, ressaltou.

Segundo suas palavras, “isso não está ligado nem à Ucrânia, nem à Rússia, isso está associado à dinâmica da política interna americana de Joe Biden e sua administração, os quais eu apoiei, o único na Europa […] mas em questões de segurança internacional vejo um comportamento perigoso”, apontou o mandatário croata.

Nas últimas semanas, o Ocidente tem acusado ativamente a Rússia de ela preparar “uma invasão” da Ucrânia, anunciando a concentração de tropas russas ao longo da fronteira do país vizinho. Ante isso, na segunda-feira (24) a OTAN informou a comunidade global sobre o aumento de sua presença no leste da Europa. Em particular, trata-se da transferência de uma fragata dinamarquesa ao mar Báltico e de quatro caças do mesmo país para a Lituânia, de navios espanhóis e caças holandeses para a Bulgária e também de um possível envio de unidades francesas para a Romênia.

Moscou nega todas as denúncias, ressaltando que está deslocando suas tropas dentro do seu território. O Kremlin e o MRE russo reiteraram por várias vezes que o objetivo das notícias falsas “sobre agressão” é aumentar o agrupamento da Aliança Atlântica perto das fronteiras russas. A Rússia também explica que a única razão da escalada na região são as ações da OTAN e EUA, que enviam instrutores militares para a Ucrânia, bem como o equipamento e armas, instigando Kiev a aventuras militares.

No final de 2021, a Rússia propôs ao Ocidente um caminho para resolver as discórdias, entregando a Bruxelas e Washington projetos de documentos sobre garantias de segurança, mas até agora as conversas não levaram a nada.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.