Menu da Rede

Forças Aeroespaciais russas destroem mercenários da OTAN

A santa vacina tucana

Revista Fórum copia Globo para defender Doria e o PSDB

Pouco após a morte do ator Tarcísio Meira, Renato Rovai publicou um artigo em seu portal isentando a Coronavac de qualquer culpa

Renato Rovai – Montagem: COTV/Reprodução

Receba o DCO no Email

Após a morte do ator global Tarcísio Meira, vítima do coronavírus, mesmo tendo tomado as duas doses da Coronavac, choveram críticas ao esquema de vacinação montado pelo golpista João Doria (PSDB). As críticas incomodaram tanto o tucano que o obrigaram a emitir uma nota oficial, em que dizia que “é muito triste ver a desumanidade daqueles que, para tentar fazer prevalecer os seus propósitos políticos, não respeitam nem a morte de um gigante da cultura brasileira e a dor da sua família”.

Fazendo coro à Globo e ao PSDB, a Revista Fórum, pertencente a Renato Rovai, publicou um artigo, no mesmo dia da morte do ator, em que afirmava que o falecimento de Tarcísio Meira “tem sido usado por detratores da vacina”. A revista ainda convidou um infectologista para assinar embaixo a tese de que seria absolutamente normal que alguém tomasse as duas doses da Coronavac, contraísse o vírus junto com sua esposa e acabasse morrendo.

Artigos Relacionados

Ao contrário do que aponta a Revista Fórum, quem criticou a Coronavac após a morte de Tarcísio Meira não é um “negacionista” ou um inimigo da ciência. Pelo contrário, é quem quer combater o obscurantismo e a sujeira da política da burguesia.

A vacinação em São Paulo, que ainda não chegou a metade da população, além de lenta, se mostrou um desastre absoluto. Seu governador, João Doria, que procura se promover enquanto candidato presidencial desde o início da pandemia, estava apostando alto que conseguiria se projetar nacionalmente como o “João da vacina” se conseguisse algum grande feito no combate à pandemia em comparação com o presidente ilegítimo Jair Bolsonaro. Como não queria disponibilizar testes em massa, construir hospitais, garantir o isolamento através de políticas sociais e econômicas ou qualquer outra solução que envolvesse o povo, a aposta de Doria era chegar na frente na corrida da vacina.

De fato, Doria conseguiu iniciar a vacinação antes do governo federal. Mas, para isso, precisou mentir muito, atrasando por vezes o cronograma que ele próprio havia prometido, e ainda importou aquela que é, talvez, a pior de todas as vacinas desenvolvidas contra o coronavírus. Uma das vacinas mais caras e que só tem 50% de eficácia: a Coronavac.

Tarcísio Meira é, sim, vítima da farsa da vacinação de Doria. Vítima porque recebeu a pior vacina disponível e foi tranquilizado de que estava imune e vítima porque a vacinação em São Paulo serviu apenas para ocultar a inação total do governo do PSDB. Enquanto Doria brincava de “João da vacina”, o número de óbitos em seu Estado praticamente triplicou.

Já a defesa feita pela Revista Fórum também não é inocente. Em todos os momentos em que Doria fazia suas bravatas, Renato Rovai e sua equipe batiam palmas para a Coronavac e o Instituto Butantan. A troco de que? Da política da frente ampla com a burguesia, apoiada publicamente por Rovai, como no caso em que clamou pela participação do PSDB nos atos “Fora Bolsonaro”.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.