Menu da Rede

Putin:Ações da Europa no setor de energia é “suicídio econômico”

  • Capa
  • Política
  • Força Aérea dos EUA quer cooptar o comando da FAB

Imperialismo

Força Aérea dos EUA quer cooptar o comando da FAB

Força Aérea Brasileira recebeu delegação de oficiais das Força Aérea dos Estados Unidos.

Reunião entre militares da FAB e a USAF – Foto: Sargento Muller Marin / CECOMSAER

Receba o DCO no Email

O Estado-Maior da Aeronáutica brasileira (EMAER) recebeu uma delegação das Forças Aéreas dos Estados Unidos (USAF) para reuniões bilaterais, a pretexto de estabelecer cooperação, intercâmbio na formação e no treinamento, além de troca de informações operacionais e fortalecer os laços e a confiança mútua. O encontro, que teve início na segunda-feira (08) e durou três dias, aconteceu no Comando da Aeronáutica (COMAER), em Brasília (DF) e contou com a presença de oficiais-generais da Força Aérea Brasileira (FAB) e representantes das Força Aérea imperialista.

O escandaloso encontro, que foi saudado pelos oficiais brasileiros como um importante momento de cooperação, não recebeu o devido tratamento na imprensa capitalista nacional. Trata-se evidentemente de uma atividade antinacional, as Forças Armadas não podem estabelecer relações com Forças Armadas de outros países. A relação do país com outros países somente pode ser estabelecida pelo governo e pelo Congresso Nacional via Ministério das Relações Exteriores e de maneira absolutamente pública.

É absolutamente temerário. As Forças Armadas no atual regime, pela lei, destinam-se a defender a Pátria, não podem de maneira alguma estar sob tutela ou sob influência de Forças Armadas estrangeiras. Ademais, como é sabido, os Estados Unidos realizaram e realizam atividades de espionagem no país, como no caso do grampo à presidenta da República Dilma Rousseff e que foi organizador do golpe militar de 1964. Com essas relações com um país que comprovadamente violou a soberania nacional mais de uma vez, conclui-se que a Força Aérea corrobora com essa atividade criminosa dos Estados Unidos.

O encontro da USAF com os oficiais da Aeronáutica, que em si é escandaloso, evidentemente, não é simplesmente para estabelecer qualquer colaboração, ilegal inclusive, uma vez que quem deve estabelecer acordos de qualquer natureza entre países e instituições deve ser o governo, mas é uma clara infiltração dos interesses do imperialismo nas Forças Armadas brasileiras feita às claras.

Sob o pretexto de estabelecer cooperação, que a instituição militar não tem autorização para realizar, o que pode estar sendo feito é a subordinação das Forças Armadas a um instituição militar estrangeira. Esse tipo de relação espúria coloca em suspeição absoluta a independência das Forças Armadas brasileiras em relação à influência de uma potência estrangeira.

O imperialismo estadunidense procura manter e ampliar sua influência sobre o aparelho repressivo dos países atrasados para controlar o regime político via tutela dos militares e mesmo para utilizá-los abertamente caso a situação se torne mais dramática, os exemplos são inúmeros. A influência dos EUA nas Forças Armadas brasileiras, por exemplo, foi fundamental para o sucesso do golpe militar de 1964, assim como para o golpe de Estado de 2016. Preparam já o terreno para utilizá-lo em 2022.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.