Menu da Rede

Força Nacional, PM e pistoleiros incendeiam acampamento da LCP

  • Capa
  • Editorial
  • Ocupação de Porto Alegre: não deixar condenar, não deixar prender

Ocupação de Porto Alegre: não deixar condenar, não deixar prender

Receba o DCO no Email

A mobilização para o dia 24 é muito grande, mesmo com a confusão política de setores da esquerda, inclusive do PT. Há notícias de muitas caravanas sendo organizadas e muitos ativistas organizando a participação no ato de maneira espontânea. Essa mobilização tem tudo para ser enorme e dependendo do desenvolvimento político tende a ser um grande problema para a direita.

Sabendo disso, os golpistas colocaram em marcha um sistema de intimidação. Nos jornais burgueses, os editoriais tentam convencer o PT de que é necessário “respeitar a decisão da Justiça” ou seja, de que é preciso apanhar calado diante das arbitrariedades contra Lula.

O prefeito de Porto Alegre, o tucano Nelson Marchesan Jr, ligado aos fascistas do MBL, pediu ajuda das Forças Armadas para reprimir a manifestação do dia 24. Embora o governo federal, numa atitude cautelosa, tenha negado o pedido, é claro o objetivo de intimidação.

Mais séria ainda foi a declaração das forças armadas de que estão “monitorando” os movimentos que estão organizando a manifestação. Por monitorar, entenda-se espionar. Organizações populares como sindicatos e centrais sindicais, movimentos sociais, como o MST, e partidos de esquerda estão sendo espionados pelo aparato repressivo do Estado, uma ilegalidade que remete aos tempos da ditadura militar.

Essas movimentações tanto da esquerda e dos movimentos sociais, que devem realizar um enorme ato, quanto por parte da reação da direita golpista mostram que o ano já começa com uma tarefa que pode inclusive ser a mais importante de 2018. A condenação ou não de Lula pode definir os rumos da situação política pelo resto do ano.

Inclusive para os setores da esquerda pequeno-burguesa que não perdem as ilusões eleitorais, a vitória no dia 24 é decisiva inclusiva para as eleições. Não só a garantia de que Lula seja candidato, algo cada vez mais difícil se depender apenas dos golpistas, mas inclusive da própria existência das eleições. Se Lula for condenado, se o movimento contra sua condenação e contra o golpe forem derrotados, o risco de que não se tenha sequer eleições é muito grande. É possível dizer até mesmo que nesse momento essa possibilidade é uma das cartadas principais planejadas pela direita.

Estamos diante de um golpe que se aprofunda a cada movimentação dos militares no sentido de uma intervenção. A sobrevivência das organizações populares e dos partidos de esquerda está cada vez mais em risco.

A única solução é enfrentar da maneira mais enérgica possível os golpistas e para isso é preciso a mobilização de amplos setores das massas. Dia 24 tem tudo para ser essa ou pelo menos um estopim para grandes mobilizações. É com esse espírito que o PCO convoca todos os trabalhadores e ativistas e realizar um ato mostro na capital gaúcha saindo às ruas com a palavra de ordem: Não deixar condenar, não deixar prender!

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.