Menu da Rede

Doria desiste da candidatura à Presidência da República

  • Capa
  • Editorial
  • NED/CIA por trás dos acontecimentos no Cazaquistão

Golpe imperialista

NED/CIA por trás dos acontecimentos no Cazaquistão

Documentos do NED revelam investimento de mais de um milhão de dólares em projetos de intervenção ideológica e política no Cazaquistão

Manifestações no Cazaquistão foram fomentadas e organizadas pelo imperialismo para desestabilizar o país – Foto: Reprodução

Receba o DCO no Email

No começo deste ano, o Cazaquistão foi palco de um movimento que, pela imprensa burguesa, foi chamado de revolta popular. Entretanto, longe disso, tudo indica que houve a mão de organizações imperialistas no movimento para sabotar o governo do país, algo já visto, mais recentemente, com Lukashenko, na Bielorrússia

O modus operandi do imperialismo, todavia, carece de inovações. Por volta da metade do século passado, as grandes operações financiadas pela CIA precisaram ser enfeitadas. Surgiu, com isso, o National Endowment for Democracy (NED), um órgão dos Estados Unidos cujo objetivo é financiar organizações e projetos em prol da democracia em outros países. Decerto que não se trata disso, mas sim de um artifício pelo qual o imperialismo intervém diretamente na política interna de qualquer lugar do mundo.

No Cazaquistão, não foi diferente. Segundo a página oficial do NED, mais de um milhão de dólares foram injetados pelo órgão no país somente em 2020. Os objetivos de cada investimento vão desde a promoção do direito de reuniões pacíficas, a promoção do engajamento cívico da juventude cazaquistanesa, a defesa dos direitos humanos, até a promoção de um veículo de notícias nacionais independente nas línguas russa e cazaque, entre outros.

Apesar do jargão utilizado pelo imperialismo, cada um desses objetivos não passam de farsas. O dinheiro é utilizado para financiar ações contra a soberania de determinado país, exatamente uma tentativa de colocar o governo na linha pró-imperialista. Não é à toa que dentre as organizações citadas está o Clube de Jornalistas Cazaques, criado para “promover um entendimento público e debater acerca da era soviética e da história recente do Cazaquistão”. Ou seja, uma verdadeira máquina de manipulação ideológica.

Aqui no Brasil, como revelado por este Diário em uma série de reportagens exclusivas, o NED atuou no país durante o golpe de Estado através de organizações e movimentos reacionários como o Não Vai Ter Copa, ligado diretamente à figura de Boulos, que hoje é funcionário do IREE, instituto que também mantém relações com o NED. Finalmente, o NED financia diversas instituições identitárias ao redor de todo o mundo.

Com isso, fica claro que a atuação do imperialismo no Cazaquistão serviu para desestabilizar o país, resultando nas revoltas absolutamente artificiais deste ano. Tanto que foram noticiadas diversas imagens que mostravam “manifestantes” equipados com armas e roupas extremamente modernas, rendendo, inclusive, policiais cazaques.

Tudo foi preparado pelo imperialismo anteriormente, algo que fica mais claro à medida que as tensões entre os Estados Unidos e a Rússia esquentam, colocando o Cazaquistão como um território de interesse estratégico dentro dessa disputa.

A dominação imperialista já ceifou a vida de milhões de pessoas em todo o mundo e, agora que a crise econômica do capitalismo se acentua, sua política de terra arrasada se tornará cada vez mais agressiva. O único enfrentamento dentro de todo esse cenário é por meio da luta pela revolução, luta essa que deve unir os trabalhadores de todos os países por um objetivo em comum: o fim do imperialismo.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.