Menu da Rede

Acompanhe o Resumo do Dia na COTV

Baixaria e histeria

Boulos, Warde e DCM: um ninho de cobras

A histeria do DCM e as calúnias contra o PCO revelam que as ligações de Boulos com setores da direita pró-imperialista são mais graves do que se pensa

Os amigos da baixaria – Reprodução

Receba o DCO no Email

Algumas pessoas se perguntam por que o Diário do Centro do Mundo (DCM), um portal considerado – pelo menos até o momento – progressista, colocou em marcha uma campanha de calúnias e mentiras de tipo policial contra o PCO. O DCM publicou alguns artigos baixos, acusando, ao melhor estilo da direita lavajatista, o PCO de ser corrupto.

Que as acusações são absurdas e infundadas não há a menor dúvida. Que essas calúnias podem servir como pretexto para uma ação policial, também não há dúvida. Inclusive, em um programa no canal do DCM no YouTube, chegou-se a afirmar que o PCO podia esperar a ação do Ministério Público. Mostrando que o jornalismo do DCM alcançou – logicamente não em tamanho – o nível de baixaria de uma revista Veja e outros órgãos podres da imprensa golpista.

Mas qual o motivo de tanta sujeira? A resposta deve ser encontrada em Guilherme Boulos e seus apoiadores. Em novembro do ano passado, o Diário Causa Operária publicou uma série de artigos políticos desnudando as relações entre o líder do PSOL, empresários ligados ao imperialismo e elementos da direita importantes no golpe de Estado de 2016. Essas relações, que são públicas, revelaram que Boulos, que a imprensa apresenta como uma alternativa radical a Lula, é um elemento ligado a setores da burguesia, mais ainda, dos setores mais pró-imperialistas da direita.

Boulos poderiam ter simplesmente respondido aos fatos levantados pelo DCO. Poderia ter explicado, por exemplo, que trabalhar no mesmo instituto que o general Sergio Etchegoyen, essencial no golpe de 2016 e chefe do Gabinete de Segurança Institucional do governo Temer, é uma demonstração de progressismo e esquerdismo. O instituto onde trabalha Boulos é o IREE (Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa), onde também ocupa cargos de direção o ministro da Defesa de Michel Temer, Raul Jungmann.

O presidente do IREE, Walfrido Warde, é empresário e advogado. Warde é uma espécie de cabo eleitoral rico de Boulos, tendo apoiado as últimas candidaturas do psolista.

O artigo do DCO mostra no detalhe as relações de Warde, Boulos, IREE e nomes da direita golpista e organizações imperialistas. O levantamento feito pelo DCO é político, ou seja, são fatos e relações que demonstram o relacionamento de um nome da esquerda com elementos direitistas inimigos dos trabalhadores.

Boulos se fez de desentendido e não explicou politicamente os fatos apresentados. Como resposta, apenas ataques ao PCO: “loucos e insignificantes”. Por algum motivo misterioso – ou nem tanto – Kiko Nogueira e Pedro Zambarda, do DCM, tomaram as dores de Boulos e de Warde. Primeiro ficaram histéricos, depois publicaram os artigos caluniando o PCO.

Essa demonstração de baixaria do DCM mostra que o DCO estava certo em apontar as relações sinistras de Boulos com Warde, IREE, Etchegoyen e cia. Bastava ter rebatido os argumentos, mas partiram para as calúnias mais rasteiras.

Se o PCO é tão insignificante, porque o DCM perde tanto tempo em seus ataques? Por que tamanha histeria? Como está dito na Nota Oficial do PCO: “a perseguição absurda que fazem ao PCO comprova de maneira cabal não apenas que as denúncias que fizemos sobre Guilherme Boulos, o PSOL, o IREE e Walfrido Warde são corretas, mas importantes o suficiente para que se gaste tempo e recursos com manobras baixas como as que vimos em várias “reportagens” do DCM contra o PCO”.

Um ninho de cobras peçonhentas foi sacudido e as víboras estão atiçadas.

PCO publica nota sobre as “denúncias” do DCM

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.