Menu da Rede

Veja quem são os principais candidatos do PCO no Sul do País

Eduardo Vasco

Jornalista especializado em política internacional. Colunista do Diário e do Jornal Causa Operária. Apresenta o Conexão América Latina, o Minta você mesmo e o Esquenta da Análise na Causa Operária TV. Apresenta ainda o programa Causa Operária, todas as sextas às 13h na Rádio Cultura de Curitiba AM 930. Comentarista da Radio Estrella 98.7 FM da Venezuela.

  • Capa
  • Colunistas
  • Povo russo comemora a vitória contra o nazismo

77 anos

Povo russo comemora a vitória contra o nazismo

Em meio a um novo embate contra o fascismo, na Ucrânia, os russos recordam as glórias soviéticas, que custaram a vida de 27 milhões de compatriotas

Tanques T-72B3M desfilam na Praça Vermelha – Foto: Sputnik News

Receba o DCO no Email

─ Eduardo Vasco, de Rostov do Don

Hoje, 9 de maio, o povo russo comemorou o Dia da Vitória contra os nazistas na II Guerra Mundial. As festividades ocorrem todo ano em todas as cidades da Rússia e nas ex-repúblicas soviéticas e são marcadas principalmente por grandes desfiles militares.

Artigos Relacionados

O maior deles, como de costume, ocorreu na Praça Vermelha, em Moscou. Nele, o presidente Vladimir Putin fez um discurso no qual destacou os seguintes pontos:

  1. A OTAN ameaçou a Rússia e tampou os ouvidos para os apelos do Kremlin de que a expansão militar seria respondida de forma preventiva.
  2. A Rússia interveio na Ucrânia para proteger o povo russo do Donbass
  3. Militares que voltaram do Donbass participaram da Parada em Moscou
  4. Veteranos norte-americanos que queriam participar da Parada foram proibidos pelo governo dos EUA

ACOMPANHE NOSSAS REPORTAGENS DIRETO DA RÚSSIA e CONTRIBUA PELO PIX causa.operaria.na.russia@gmail.com

A equipe da Causa Operária na Rússia assistiu das tribunas a Parada da Vitória em Rostov do Don. Ela teve o desfile de veículos utilizados na II Guerra, tanques, lança-mísseis, 3 mil militares, socorristas que irão para o Donbass, integrantes da Guarda Juvenil (herdeira do Komsomol e dos Pioneiros) e também estudantes, mulheres e crianças.

O evento se encerrou com a Marcha do Regimento Imortal, onde milhares de pessoas desfilaram com o retrato de familiares que lutaram na guerra e incontáveis bandeiras da União Soviética.

Foi lembrado, no início da Parada, que a União Soviética derrotou o fascismo e que agora ele ressurge para ameaçar a Rússia na Ucrânia e por isso os russos tiveram de intervir para desmilitarizar e desnazificar o Donbass, onde seus compatriotas estão sendo oprimidos.

Mais de 20 mil pessoas assistiram à Parada em Rostov. 94 veteranos da chamada Grande Guerra Patriótica estiveram presentes.

Ao contrário do que algumas pessoas podem pensar, o Dia da Vitória não se resume a um feriado oficial. É uma verdadeira celebração popular, uma imensa mobilização de massas. E a maioria das pessoas são jovens, incluindo um número surpreendente de mulheres e crianças. As pessoas se aglomeram para assistir à parada e depois passeiam pelas ruas cantando músicas patrióticas, tremulando as bandeiras soviéticas, buzinando em seus carros, gritando e voltam para casa apenas no final da tarde.

As cidades da Ucrânia que foram liberadas das forças nazistas pelo exército russo e as milícias populares de Donetsk e Lugansk também comemoraram o Dia da Vitória, com um sabor especial. Entretanto, as próprias cidades de Donetsk e Lugansk não realizaram a tradicional parada militar devido às ameaças de ataques e atentados dos nazistas. Elas realizarão a parada tão logo que as duas repúblicas forem completamente liberadas. A República Popular de Lugansk, por exemplo, já foi 90% libertada do domínio ucraniano. Mesmo não ocorrendo no 9 de maio, o Dia da Vitória nas duas repúblicas promete ser uma verdadeira comemoração popular.

Contribua com a imprensa da Causa Operária que está no front para trazer informações verdadeiras sobre a guerra e sair das mentiras da imprensa imperialista que esconde e manipula as informações à seu favor e contra os trabalhadores. Faça através do endereço: https://vakinha.com.br/causa-operaria-na-russia ou PIX: causa.operaria.na.russia@gmail.com

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.