Menu da Rede

OTAN coloca 15 mil soldados perto das fronteiras da Rússia

Matheus Vetter

Operário metalúrgico, nascido em Blumenau, Santa Catarina. Membro da Corrente Sindical Causa Operária. Dirigente Nacional do PCO.

  • Capa
  • Colunistas
  • Por um salário mínimo de 6.750 é Lula Presidente!

É preciso mobilizar

Por um salário mínimo de 6.750 é Lula Presidente!

Por uma candidatura operária e que defende os interesse concretos dos trobalhadores

Carteira de Trabalho – Foto: Reprodução

Receba o DCO no Email

Após o golpe de Estado imposto pelo imperialismo no Brasil, a inflação oficial do País vem crescendo de forma descontrolada. Em 2018, o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) registrado no País foi de 3,75% – taxa que saltou para 10,06% em 2021. Já nos 12 últimos meses até março deste ano, chegou a 11,30%,  implicando em mais um ano de preços descontrolados.

De março de 2017 a março de 2022 o real perdeu 31,32% de seu valor e poder de compra (segundo índices oficias). O que isso quer dizer? Que com o mesmo valor, agora conseguimos comprar apenas dois terços do que comprávamos em 2017. Isso quer dizer que os R$100,00 que você comprava em comida agora valem apenas R$ 69,68.

Segundo pesquisa do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), o salário mínimo para sustentar uma família brasileira com quatro pessoas teria que ser de R$ 6.754,33, em abril. O valor é 5,57 vezes maior que o mínimo vigente no país, de R$ 1.212. Também é 27% maior que o salário previsto para abril do ano passado, quando o estudo apontou que o mínimo para esse mês deveria ter sido de R$ 5.330,69.

A Constituição Federal (totalmente violada pelos golpistas) em seu Artigo 7º, inciso VI, estabelece como um direito dos trabalhadores da cidade e do campo: “salário mínimo, fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim”.

 

NECESSIDADE

ESTIMATIVA

OBSERVAÇÃO

Moradia

1.500,00

Pagamento de prestação ou aluguel de um imóvel de 2 quartos (1.000) + IPTU (100) + Água (100) + Luz (200) + Gás (100)

Alimentação

2.400,00

Custo médio de 3 cestas básicas a 800,00 cada

Educação

300,00

Gastos com material escolar, alunos em escola pública + internet

Saúde

300,00

Compra de remédios, usando saúde pública (sem plano)

Lazer

500,00

2 saídas de fim de semana por mês

Vestuário

300,00

8 peças de roupa/calçado por mês por mês

Higiene

200,00

Produtos de higiene e limpeza

Transporte

500,00

4 passagens por dia x 25 dias por semana, ao preço médio de R$5 ou abastecimento de veículo (70l de gasolina a 7 reais)

Previdência Social

750,00

11% de contribuição para INSS

TOTAL

6.750,00

 

É nesta tecla que a campanha de Lula deve bater, neste sentido é necessário formar comitês de luta nos bairros operários, locais de trabalho e estudo e fazer uma ampla agitação que aponte para a população que por um salário mínimo de 6.750 é Lula Presidente!

 

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Outros

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.