FUP denuncia administração da Petrobras por casos de Covid

  • Capa
  • Petroleiros
  • O governo está entregando o petróleo e você nem está sabendo

Mais um leilão

O governo está entregando o petróleo e você nem está sabendo

A ânsia da direita golpista em atender aos interesses imperislistas não tem limites

Plataforma em alto mar – Foto: Arquivo

Receba o DCO no Email

No dia de hoje, 07/10, a asquerosa imprensa golpista da direita tem alardeado e denominado como “fracasso” o último leilão das áreas petrolíferas nacionais que esse governo criminoso e ilegítimo quer entregar ao capital internacional. Como também entregou a preço de banana no passado outro governo criminoso: o de FHC, que vendeu a preço vil para o imperialismo tudo o que pôde nos seus 8 desastrosos anos de governo.

A Folha de S.Paulo, um dos agentes mais influentes da imprensa burguesa golpista, especialista em golpes de Estado, diz que o leilão entreguista foi um colossal fracasso por que o governo teria vendido “apenas” 5 das 95 áreas petrolíferas disponíveis para entrega. E tendo como presenteadas apenas 2 empresas. Sendo a principal, a imperialista Shell.

Artigos Relacionados

A mesma matéria usa uma palavra em seu texto publicado na data de hoje que expressa muito bem o pensamento entreguista da direita burguesa brasileira. A referida publicação em seu portal diz: No pior leilão desde a abertura do setor de petróleo no país, o governo concedeu apenas 5 das 92 áreas para exploração e produção oferecidas ao mercado nesta quinta-feira (7).

O que logo chama a atenção a primeira vista é a palavra: ”concedeu”. Na consulta a qualquer dicionário online temos os seguintes significados para o verbo “conceder”: dar, ceder, agraciar, favorecer etc. Isso deixa claro a avidez desesperada do jornal golpista em entregar um importante patrimônio nacional como o petróleo. A ansiedade em atender com a maior eficiência possível os interesses do imperialismo faz com que, esse, um dos mais criminosos jornais da burguesia, cometa o ato falho de, em uma única palavra, expor com total clareza o seu real intuito criminoso contra o país e o seu povo: dar de graça ao imperialismo genocida as riquezas do país. Riquezas essas que poderiam ser usadas para desenvolver o Brasil em benefício de seu povo e não de um punhado de magnatas bilionários estrangeiros.

Diante dessa situação devastadora, torna-se urgente ampliar as denúncias quanto a entrega do nosso petróleo. E que nas manifestações e na imprensa de esquerda chamemos pela estatização da Petrobrás e que ela seja colocada sob o controle dos trabalhadores. Apenas uma mudança nessa direção poderá efetivamente reverter esse desastre. Só esse ano a empresa, que está sendo desmontada, esquartejada e vendida aos pedaços, subiu 51% a gasolina e 40% o gás de cozinha e o diesel.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.