Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
dra Carolina é a de azul, entre juiz federal Marcelo Malucelli e desembargador federal, presidente do TRF4, Thompson Flores
|

Da redação – A perseguição contra Luiz Inácio Lula da Silva (PT) parece não ter fim. Nesta quinta-feira, 30, a Justiça Federal golpista ordenou um pagamento de R$ 31.195.712,78 referentes a multa, custas processuais e reparação de danos no caso do triplex do Guarujá (SP). Como não poderia deixar de ser, a determinação é da juíza federal Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, que anteriormente proibiu visitas ao ex-presidente passando por cima da Constituição.

A juíza golpista, amiga de Sérgio Moro,  pediu a abertura de uma conta judicial para que seja feito o depósito da quantia, e os valores cobrados do petista são: R$ 99,32 de custos processuais, uma multa de R$ 1.299.613,46 e reparação de danos no valor de R$ 29.896.000.

Vale ressaltar que, além da perseguição já existente, a nova condição absurda é a seguinte: caso o pagamento não seja cumprido em 15 dias, impedirá a progressão de regime de pena do ex-presidente. Isso significa que, qualquer possibilidade de Lula responder parte da pena em liberdade, será anulada, o que expressa até onde a burguesia pode chegar para atacar os trabalhadores e prender suas lideranças na ditadura atual.

O caso escandaloso de perseguição política contra Lula, ficou ainda mais claro após o triplex ser ocupado por ativistas do MTST, demonstrando que a reforma de elevador não existia, e, meses depois, sendo leiloado por 2,2 milhões de reais – lance mínimo. De fato, as provas são forjadas, e o mesmo, nunca esteve no nome de Lula. Mas, para a justiça burguesa, as provas – ou a falta delas – não significam nada.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas