Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Depois da explosão de mais de 30 universidades que se colocaram a oferecer a matéria sobre o golpe de Estado de 2016, a pergunta que tem sido feito por aqueles que representam a imprensa burguesa questionam por qual motivo as universidades privadas também não oferecem a disciplina em seus respectivos cursos. A resposta para esse questionamento é muito simples, pelo fato evidente de que as universidades privadas são controladas diretamente pelos  grandes capitalistas.

Isso se dá de uma maneira muito clara, as universidades privadas são o que de melhor representa aquilo que a burguesia visa fazer com as universidades públicas do país: transforma-las no antro de defesa de seus próprios interesses. Um dos pontos colocados pelos defensores da burguesia no âmbito universitário privado, afirma que a justificava para isso, está no fato de que a disciplina sobre o golpe não possui caráter cientifico, logo os alunos não teriam interesse por pagar pela matéria.

Mas a grande verdade, é demonstrada claramente  pelo grande descontentamento dos golpistas diante da disciplina, sabendo que houve grande adesão, esta que ultrapassou as instituições brasileiras para chegar a nível internacional. Quando as  diversas universidades públicas aderiram a disciplina do golpe, é justamente porque são as que mais sofrem ataques pela política dos golpistas, estão sucateando cada vez mais o ensino público para que finalmente se privatize e coloque-as nas mãos dos grandes capitalistas que já controlam as privadas.

Nesse sentido, é preciso ter claro que a burguesia não tem interesse algum em respeitar a autonomia das universidades públicas, porque finalmente o grande objetivo dessa classe é simplesmente acabar com essas instituições tal qual elas são, para que as transformem num local não de conhecimento, mas sim uma espécie de órgão reprodutor da política direitista burguesa. Por isso, é necessária uma luta enérgica contra o golpe e contra seu aprofundamento que vem promovendo duros ataques ao ensino público do país.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas