O melhor de todos os tempos
Pelé foi um jogador superior a Messi e Cristiano Ronaldo, juntos.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
asinl4pl0xb1a22nhj48
Imagem de Pelé em 1970 | fifa.com

Eduardo Gonçalves de Andrade, mais conhecido pela alcunha de Tostão, campeão mundial em 1970, pelo melhor time de futebol da historia, um clássico camisa “10”. Ídolo, é o maior artilheiro da história do Cruzeiro, com 249 gols. Ele também foi artilheiro do Campeonato Mineiro em quadro edições seguidas: em 1965, 1966, 1967 e 1968. Foi ainda o goleador da última edição da Taça de Prata, nome dado ao campeonato brasileiro, em 1970.

Em uma entrevista ao site da Fifa, este homem, com este currículo, afirma que Pelé é melhor que Lionel Messi e Cristiano Ronaldo por ser mais “completo”.

“Acho que Pelé foi melhor que todos eles. Para mim, não há comparação. Pelé era muito mais completo. Ele tinha todas as qualidades que um atacante poderia ter. Ele não tinha um defeito”.

“Se você pegar juntar as qualidades de Cristiano Ronaldo e Messi, então terá um jogador para ser comparado ao Pelé!”, acrescentou. “Messi é espetacular, mas ele não cabeceia a bola como Pelé fez, ele não chuta tão bem com os dois pés, ele não faz os movimentos que Pelé fez. Cristiano Ronaldo é um jogador excepcional, mas ele não tem a habilidade que Pelé tinha e não realiza os passes incríveis de Pelé” explica o craque Tostão.

Tostão completa dizendo que Pelé está em “outro nível (…) até mesmo de Maradona, o campeão do mundo pela Argentina era espetacular, mas não estava no mesmo nível físico”.

Em 1999, Pelé foi eleito Jogador do Século pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS), e foi um dos dois vencedores conjuntos do prêmio Melhor Jogador do Século da FIFA. Nesse mesmo ano, Pelé foi eleito Atleta do Século pelo Comitê Olímpico Internacional.

Maior goleador de todos os tempos, com 1281 gols em 1363 jogos, único jogador de futebol tricampeão mundial por seleções: 1958,1962 e 1970, bicampeão mundial de clubes pelo Santos: 1962/63, maior goleador da seleção brasileira, com 95 gols em 115 partidas, por isso ele é o Rei de Futebol.

Tostão era camisa 10 no seu clube e foi um dos principais jogadores da melhor seleção de todos os tempos, a seleção tri campeã mundial em 1970, que tinha ao seu lado craques que formaram o maior quarteto do Futebol mundial (Pelé, Rivelino, Gerson “canhotinha de ouro” e Tostão). Todos camisas dez em seus clubes, efetivamente, melhores que Messi e Cristiano Ronaldo.

Tostão foi um craque entre as quadro linhas e é hoje um reconhecido cronista esportivo muito respeitado, então é com muita propriedade a acertada avaliação que ele faz da superioridade de Pelé em relação à Messi e a Cristiano Ronaldo. Na verdade, não existe comparação.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas