Menu da Rede

Fim de todos os bloqueios econômicos do imperialismo!

Victor Assis

Victor Assis

Militante do Partido da Causa Operária desde 2016 e membro do Coletivo de Negros João Cândido. Colunista do Diário e apresentador da Causa Operária TV.

Frente ampla até rasgar

Quem quer Frota entrando nos atos, quer nos f* de verde e amarelo

Ator pornô bolsonarista foi convidado a participar dos atos

Alexandre Frota e a esquerda frente-amplista – Montagem: DCO

Os setores da esquerda nacional que demoraram um ano e meio para tirar o pijama e saírem às ruas, que só descobriram que o País estava caindo aos pedaços quando quase meio milhão de corpos já estavam enterrados, agora não só alardeiam por aí que são os donos do movimento, como querem fazer de tudo para que a mobilização seja derrotada. O PSOL, o PCdoB, a UP e as alas mais direitistas do PT, representadas por aqueles que foram a favor do golpe e que torcem para que Lula pendure as chuteiras, estão recebendo todo o espaço na imprensa golpista para dizer que o povo está nas ruas pelo impeachment de Bolsonaro.

É uma mentira descarada, que só pode vir de quem não sabe nada de política ou de quem está muito mal intencionado. O movimento que está nas ruas no Brasil é o mesmo do Chile, do Peru, da Bolívia: é uma revolta generalizada contra o regime político. O povo quer atirar Bolsonaro e todos os golpistas pela janela, e não esperar que os próprios golpistas façam alguma encenação na Câmara dos Deputados em torno de um improvável impeachment.

Mas o que está por trás da “confusão” que fazem esses senhores, substituindo a palavra de ordem combativa de “fora Bolsonaro” por “impeachment“, vai muito mais além do que simplesmente levar a disputa para as instituições golpistas. Trata-se de uma abertura para que a direita entre nos atos. De início, convidaram a direita para assinar um “super pedido” de impeachment. Quanto a isso, já há acordo entre todos os partidos citados. Todos, inclusive, estão de acordo em chamar absolutamente qualquer direitista, incluindo o ator pornô bolsonarista Alexandre Frota, que agora tem a oportunidade de participar da maior orgia de sua vida.

Imitando seu mais novo aliado, PSOL, UP, PCdoB e outros setores da esquerda alegam uma “orgia política técnica”. Dizem que não tem nada a ver assinar o impeachment no colo de Frota com defender sua participação nos atos… Bem, não é exatamente assim. Primeiro que ninguém diz expressamente que é contra a participação desses bandidos profissionais nas manifestações da esquerda. Segundo que, conscientemente, estão tentando transformar as manifestações que surgem de um movimento real, de massas, em um palanque eleitoral agradável para todo tipo de oportunista.

Esse palanque se consolida na tentativa descarada dessas organizações em enfiar o verde e amarelo em todos os materiais de convocação dos atos. Não o fazem por qualquer patriotismo, obviamente, mas sim porque é exatamente aquilo que a burguesia pediu. A imprensa capitalista fala abertamente em “deixar a bandeira vermelha em casa” — afinal, em uma manifestação verde e amarela, a “frente ampla” se alarga tanto que cabe qualquer um. Cabe, inclusive, os bolsonaristas.

Nem os trabalhadores, nem a esquerda têm algo a ganhar com esse circo. As carícias entre os deputados do PSOL e Alexandre Frota não interessa a ninguém que esteja na luta pelo Fora Bolsonaro, assim como também não interessa a ninguém o desejo da UP de baixar as suas bandeiras para levantar o mastro do deputado bolsonarista. Pelo contrário: a participação da direita nos atos e o verde e amarelo são o caminho da derrota.

Convidamos todos aqueles que estão na luta contra o golpe de Estado, que neste momento tem como palavra de ordem central o Fora Bolsonaro, a não tolerar a infiltração dos golpistas nas manifestações e a pintar as ruas de vermelho.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.