Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
gaza1
|

Israel comete novos crimes contra o povo palestino sitiado na Faixa de Gaza. Na última sexta-feira (08) houve mais um confronto na região, que provocou a morte de quatro palestinos. O jornal “Haaretz” afirma que 92 palestinos ficaram feridos, enquanto o “Times of Israel” fala em 525.

Nessa sexta, palestinos foram a cinco pontos da fronteira com Israel para participar de protestos convocados pelo comitê da Grande Marcha do Retorno. As manifestações se inserem na sequência de atos semanais iniciados em 30 de março. Ao longo dos últimos dois meses, 108 palestinos morreram e mais de 12 mil ficaram feridos nas manifestações.

O massacre promovido pelos israelenses contra o povo palestino ocorreu enquanto manifestantes reivindicavam o fim da opressão ao povo palestino, que sofre com o desemprego, falta de habitação e a fome.

Nesse cenário, a esquerda deve exigir a total extinção do Estado de Israel. Em grande parte o conflito entre os dois povos foi estimulado pelos próprios americanos. Tanto é que os ânimos na região, que nunca cessaram, se acirraram ainda mais com a imposição de Jerusalém como capital de Israel.

Esses ataques à população palestina é a demonstração do avanço do imperialismo na região. Israel é o capacho dos EUA no Oriente Médio e tem como principal função massacrar toda e qualquer oposição.

Contra essa política genocida sionista, todo apoio à luta palestina, abaixo o Estado de Israel.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas