Putin alerta para crise econômica mundial sem precedentes

putin

Faz alguns meses que esse jornal vem alertando sobre a crise econômica mundial que está ameaçando o planeta. A bolha financeira se encontra em um nível sem precedentes, e pela primeira vez um chefe de estado se pronunciou sobre isso, enquanto que os outros procuram disfarçar o cenário.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que a situação está crítica. Ele culpa o presidente dos Estados Unidos, alertando que suas medidas protecionistas podem levar a uma “crise devastadora”. “O sistema de cooperação multilateral, que levou anos para ser montado, não está mais permitido de evoluir. Está sendo quebrado de um jeito muito brutal. Quebrar as regras tornou-se a principal regra”, disse ele.

Putin denunciou as sanções econômicas feitas pelos EUA, chamando-as de arbitrárias e dizendo que isso acabava com a capacidade de competição das nações que sofrem essas sanções, como a Rússia, a Coréia do Norte, o Irã, a Venezuela e assim por diante. Para ele, as medidas de Trump podem levar à crise, sendo que na verdade diversos economistas, inclusive ligados aos bancos, já se pronunciaram no sentido de que o cenário da crise já está montado. A política de Trump apenas iria acelerar o processo.