PT do PI considera Ciro “pato da FIESP” Gomes como candidato da esquerda

pt pi

Depois do governador da Bahia, Rui Costa dizer que o PT tinha que abandonar Lula na masmorra do “Mussolini de Maringá”, o juiz golpista Sérgio Moro, para partir para o plano “B” nas eleições de 2018, agora foi a vez do governador do Piauí, Wellignton Dias do PT declarar que está fazendo campanha pelo plano “B”, demonstrando ser mais um capitulador na luta contra o golpe.

No entanto, Wellignton Dias, governador do Piauí pelo PT, pensa em um plano “B” até com os golpistas, elogiando a pré-candidatura de Ciro Gomes, que é um adorador e amigo do Pato amarelo da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), dizendo que o amigo dos golpistas da FIESP está no campo da esquerda.

Se Ciro Gomes, amigo-funcionário do golpista Benjamin Steinbruch é de esquerda, e está no campo da esquerda, imagine como poderíamos classificar os pré-candidatos da direita, teriam que prometer a matança discriminada dos trabalhadores.

Apesar de Wellignton Dias saber que não dá nesse momento para defender o plano “B”, traindo a candidatura de Lula, sua declaração é embelezar a candidatura golpista de Ciro Gomes, dizendo que ela está localizada no campo de esquerda,  para que a militância do PT comece a digerir mais essa capitulação diante do golpe.

Essa afirmação de Wellignton Dias, mostra que a ala dento do PT que pressiona a sua militância a abandonar Lula, legitimar a eleição fraudulenta que os golpistas pretendem realizar vem dos governadores do PT.

É necessário combater rigorosamente a ideia dentro do PT de plano “B” nas eleições de 2018, , principalmente os absurdos de que os candidatos “abutres” estão no mesmo campo da luta contra golpe e pela liberdade de Lula.

Temos que ir para as ruas, levantando as palavras de ordem de “Eleição sem Lula é golpe, é fraude”, ” É Lula ou nada”!