Wellington e Rejane Dias
Se Lula e Dirceu, os “peixe grandes” da política, foram preso sem provas, o que será dos menores? O PCO sempre acentuou a necessidade de defesa do PT, expressa também por Gleisi.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
dias
A deputada federal e primeira-dama Rejane Dias (PT-PI) e o governador do Piauí, Wellington Dias (PT) | Foto: Reprodução/Instagram
O Partido dos Trabalhadores denunciou em nota divulgada a pouco que as operações da Polícia Federal na casa e no gabinete da deputada federal e primeira-dama do Piauí, Rejane Dias (PT-PI), são um completo abuso de autoridade e uma demonstração de perseguição política explícita. O partido acusou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus aliados de tentarem enfraquecer a imagem do governo do estado Wellington Dias (PT-PI).”A invasão das residências do governador e de seus familiares pela Polícia Federal, além da tentativa ilegal de invadir o gabinete da deputada Rejane, é uma notória operação midiática de perseguição e destruição de imagem pública”, declarou o partido em nota assinada por Gleisi Hoffmann (PT-PR), presidente do partido junto aos deputados.Afirmam ainda que nem Wellington, nem Rejane “são acusados de nada que justifique minimamente tais abusos. […] A Secretaria de Educação sempre se colocou à disposição das autoridades e a própria deputada Rejane, ex-secretária da pasta, procurou em vão as autoridades para colaborar com as investigações, que não envolvem o governo do estado, mas empresas prestadoras de serviços de transporte escolar”, diz o texto.
É preciso denunciar amplamente a perseguição das operações golpistas da PF comandada pelo fascista Bolsonaro. A esquerda precisa compreender que não pode defender a continuidade dessa verdadeira “caça às bruxas”, como parte da pequena-burguesia defendeu a Lava Jato. Em um primeiro momento, a burguesia faz uma cena de teatro, perseguindo alguns direitistas de menor importância, mas depois, se volta contra o maior partido operário do país e as organizações de trabalhadores.
Se Lula e Dirceu, os “peixe grandes” da política, foram preso sem provas, o que será dos menores? Essa é a importância que o PCO sempre acentuou na defesa do PT contra o golpe e que parte da esquerda eleitoreira, oportunista, negou. Agora, podemos ser todos caçados como na ditadura de 1964.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas