Porto Seguro (BA)
Após o ato realizado no dia 13/06 pelo Fora Bolsonaro e todos os golpistas convocado somente pelo Partido da Causa Operária ficou evidente qual é a intenção do PSOL na cidade
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
votação joelhos
PSOL quer transformar o Fórum de Luta em seu instrumento de propaganda eleitoral | Imagem: reprodução.

Após o ato realizado no dia 13/06 pelo Fora Bolsonaro e todos os golpistas convocado somente pelo Partido da Causa Operária ficou evidente qual é a intenção do PSOL de Porto Seguro, município do Extremo Sul da Bahia.

Após inúmeras tentativas de discussão em reuniões do Fórum de Lutas de Porto Seguro, espaço para discussão de algumas entidades da esquerda da cidade, não houve a menor possibilidade de discussão sobre o ato do dia 13 no chamado nacional das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

Desde quando houve a decisão, o PSOL tentou de todas as maneiras evitar qualquer discussão sobre mobilização e chegou ao ápice numa carta elaborada com acusações ao PCO de machista e racista, numa clara tentativa de desviar a atenção da organização de qualquer ato pelo Fora Bolsonaro. Inclusive com a tentativa de expulsão do PCO do Fórum de Luta para não serem denunciados.

Essa avaliação fica ainda mais clara quando é observado o 8M da cidade, ligada ao movimento feminista, mas que na prática o PSOL tomou controle e transformou esse grupo em um aparato eleitoreiro do PSOL. Quando observado as postagens do 8M de Porto Seguro fica evidente que somente existem publicações do PSOL e a maioria delas sequer tem a ver com a questão das mulheres. São apenas publicações dos candidatos do PSOL da cidade como se tivessem o aval do grupo de mulheres de diversas organizações.

Veja abaixo uma pequena pesquisa no perfil do Facebook do 8M de Porto Seguro:

 

 

No caso do Fórum de Luta de Porto Seguro, o PSOL não concorda em lutar pelo Fora Bolsonaro. Não falam abertamente isso para que não entrem em choque com a política do Fora Bolsonaro e, assim, obtenham alguns votos. É uma defesa do fora Bolsonaro de maneira demagógica e que na prática não vão fazer nada. E para não evidenciar essa política capituladora fazem qualquer medida, incluindo de sabotagem, para que não haja atos ou luta contra a direita na cidade.

Para que essa política do PSOL seja efetiva é preciso que paralise a luta e transforme o Fórum de Luta de Porto Seguro em um instrumento apenas para fazer propaganda de seus candidatos nas eleições como estão fazendo com o 8M. Esse é o motivo da intensa participação burocrática do PSOL no Fórum de Lutas de Porto Seguro, mas são contra qualquer atividade de defesa dos trabalhadores ou da população.

É preciso denunciar esses golpes porque está contribuindo para a paralisia das atividades da esquerda na cidade.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas