Demagogia
O PSOL, mais uma vez, se apresenta como o partido menos bolsonarista da Câmara dos Deputados, mas na prática dá sustentação ao governo Bolsonaro
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
freixo janaina (1)
Freixo e a bolsonarista Janaína Pascoal trocam afagos em entrevista amistosa | Imagem: youtube

Nessa semana, o PSOL saiu em grande comemoração por ser o partido que é “menos” bolsonarista da Câmara de Deputados. Segundo os dados apresentados pelo próprio PSOL e comemorado como um título importante, o partido seria “apenas” 18% bolsonarista.

A farsa é tão grande que o PSOL apresenta que apenas 18% das vezes votou com os bolsonaristas no Congresso Nacional como isso fosse um grande feito para prejudicar o governo Bolsonaro e beneficiar a classe trabalhadora.

Esses 18% de votações com os bolsonaristas seriam apenas em temas consensuais e para combater a pandemia, e como podemos ver não mudou absolutamente nada. Em primeiro lugar deveríamos ver o que foi que votaram com os bolsonaristas? Por acaso a extrema direita fascista apresentou alguma proposta que beneficie os trabalhadores ou a população pobre? Claro que não.

O segundo ponto da discussão é que os votos comemorados pelo PSOL são completamente irrelevantes e apenas servem para fazer demagogia, pois não incomoda minimamente a aprovação dos projetos da extrema direita golpista. A Câmara de Deputados possui 501 deputados e essa bancada de “luta” do PSOL é de apenas 10 parlamentares, ou seja, nada!

O tamanho não seria o mais importante caso esse partido trabalhasse para organizar os trabalhadores em uma luta real contra o governo Bolsonaro e a extrema direita, mas como apenas fica nessa miudeza parlamentar e eleitoreira serve apenas de sustentação ao governo Bolsonaro por dá um ar democrático para uma instituição completamente antidemocrática.

Essa “luta” parlamentar do PSOL não serve para nada, apenas para fazer demagogia eleitoral. Tanto é assim que somente fazem ações na Câmara, como levantar cartazes, laranjas e coisas semelhantes, e de convocar bolsonaristas para falarem para os deputados e de que nada servem.

Fica cada vez mais claro que o PSOL é um partido eleitoreiro que somente faz atividades para tentar angariar mais votos para as eleições, sem se preocupar com os ataques contra a classe trabalhadora e se essas medidas apresentadas para os parlamentares vão ser efetivas ou não. O importante é fazer a propaganda de seus poucos parlamentares que não tem nada a ver com a luta contra a direita.

Quer se mostrar como um partido alternativo a direita e que quer dar sustentação ao regime político em total oposição aos interesses dos trabalhadores. Nem se mexem para lutar para derrubar Bolsonaro e derrotar a extrema direita através da mobilização dos trabalhadores e da população.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas