Provocação contra a Rússia: golpistas da Ucrânia colocam Marinha e Exército em posição de combate

ucrania (1)

Da redação – As provocações do imperialismo norte-americano contra a Rússia, através do seu capacho, a Ucrânia, seguem à todo vapor. Nesta terça-feira (4), o sítio Sputniknews noticiou que todos os navios e lanchas pertencentes à Guarda Costeira ucraniana foram colocados em posição de combate, fato que é um desdobramento do golpe de estado para um golpe militar com a imposição da lei marcial em 10 regiões do país.

O chefe da entidade militar, Pyotr Tsigikal, afirmou que todas as embarcações já se encontram no mar, muitas das quais, financiadas diretamente pelos EUA.

“Todos os navios e lanchas da Guarda Costeira [da Ucrânia] estão em prontidão de combate. Praticamente todas as embarcações estão hoje no mar”, disse ao canal UATV.

O militar golpista afirmou também que, após a imposição da lei marcial,  foi criada a direção marítima regional e que as Forças Armadas e o Serviço de Segurança da Ucrânia (SBU) estão todos em prontidão de combate.

O imperialismo norte-americano, que financiou as milícias fascistas, neonazistas, para derrubar o governo anterior e colocar seus serviçais no poder, está criando um cerco contra a Rússia como alertado por líderes da esquerda mundial.  Porém, tais atitudes devem ser muito bem pesadas por parte dos norte-americanos, britânicos, pois as consequências de uma guerra nessas proporções podem ser fatais para um regime que está em franca crise mundial e vem sofrendo diversas derrotas em suas últimas invasões genocidas.

Assista a última Análise Internacional com Rui Costa Pimenta e compreenda o golpe: