Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Nesta terça-feira (20), o ex-presidente francês, o direitista Nicolas Sarkozy, prestou depoimento em Nanterre; existe uma ação judicial que o acusa de ter recebido financiamento ilegal para sua campanha vitoriosa em 2007. Ele está detido por conta disso.

Segundo o judiciário, Sarkozy teria recebido 50 milhões de Euros da Líbia, na época em que esta estava sob controle de Muammar Khadafi – ex-presidente líbio que foi deposto e assassinado pelo imperialismo, onde a França teve um papel importante para na invasão militar. O dinheiro que Sarkozy teria recebido ultrapassaria os limites permitidos pela legislação francesa.

A denúncia contra Sarkozy não tem nenhuma prova concreta, no momento. E ainda não se sabe bem de qual grupo político está partindo a ofensiva contra o ex-presidente. A única coisa que fica clara, quando se analisa o cenário político internacional, é que o atual regime político está em crise e, para sustentar os interesses dos monopólios, alguns precisam ser derrotados (como é o caso de Lula, no Brasil) e outros sacrificados (como Sarkozy). O caso do líder direitista aumenta a lista dos ex-presidentes que estão sendo atacados pelos órgãos judiciais no mundo -estando presos ou ameaçados de prisão.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas