Ditadura de Bolsonaro
Desde sexta-feira o governo golpista tirou do ar os dados para continuar matando o povo, enquanto esconde tudo como na ditadura militar
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
images (6) (1)
Wellington Saraiva, Procurador Regional da República | Foto: Ministério Público Federal

O procurador regional da República,  Wellington Saraiva, denunciou que é muito grave a ação do presidente fascista Jair Bolsonaro (sem partido), sobre retirar do site do Ministério da Saúde os dados do coronavirus. “Isso é grave, ilícito e inaceitável. O MS [Ministério da Saúde] não pode sonegar informações do povo, pesquisadores, gestores e profissionais”.

O site que contém informações sobre a pandemia no Brasil e está fora do ar desde sexta-feira. Bolsonaro anunciou mudanças nas formas como os boletins de atualização dos dados do coronavírus seriam apresentados, ditando a divulgação apenas depois das 22 horas para esconder a realidade do povo que assisti os telejornais burgueses.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas