Privatização da saúde pelos golpista e o povo negro: Tição, programa de preto conversou com a obstetra Nathalya Camargo

naty

Da redação – Na última terça-feira, dia 07, a Causa Operária TV transmitiu mais uma edição do Tição – Programa de preto, do coletivo de negros do PCO, João Cândido, que vai ao ar sempre às 19 horas, e os apresentadores Juliano Lopes e Patrício Salgado receberam Nathalya Camargo para falar sobre os efeitos do golpe de Estado sobre a saúde pública, especialmente a saúde do povo negro.

Nathalya é Bacharel em Obstetrícia pela USP e Especializada em Saúde Coletiva, e abaixo, você encontra toda essa importante entrevista, bem como um dos principais trechos da conversa que fala sobre a privatização do SUS, que, como este diário operário busca demonstrar, é o plano da direita golpista contra os trabalhadores e toda economia nacional.

“Os postos de saúde anteriormente tinham uma sistemática. Com a mudança de governo, eles tiraram os funcionários públicos federais e entraram as OSS, e hoje está em outra projeto que não vai ter funcionários públicos, só essas contratadas, com outra dinâmica e outra lógica de tratamento.

Então quando você vai pensar nos princípios do SUS, dificilmente essas OSS vão conseguir fazer esse atendimento.”

Assista todo o programa e compartilhe para os amigos e em grupos: