Menu da Rede

A quem serve a política de gado da esquerda sobre o voto impresso

Os sicofantas de toga

Prisão arbitrária foi jogada publicitária do desmoralizado STF

Vale destacar que a liberdade de pensamento é consagrada na Constituição Federal de 1988, no artigo 5º, IV, ao dispor “é livre a manifestação do pensamento"

Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) – Reprodução

A crise do regime golpista aumenta à medida em que a farsa relativa ao processo envolvendo o ex-presidente Lula vem ganhando notoriedade. Um dos pilares do golpe, o Supremo Tribunal Federal (STF), tomou a capa das principais manchetes da semana com o caso do deputado bolsonarista de extrema-direita Daniel Silveira (PSL). Mas, afinal, do que se trata? Como já dizia Marx, “o caminho do inferno está pavimentado de boas intenções”, e, no que diz respeito ao STF, a estrada para o purgatório foi construída com base nos cálculos políticos da empreitada burguesa.

A questão envolve dois aspectos: 1º é o aspecto concreto da política: por que o STF agiu com rigor contra o Deputado? Sabe-se que discursos contra o STF, ameaças ao regime não datam dessa semana conturbada. Bolsonaro, Mourão, Vilas Bôas etc., são resolutos nesse quesito; de fechamento do regime a fuzilamento de 30 mil esquerdistas, as intimidações correm a ficha dos milicos e do presidente golpista. Esse, portanto, não é um problema para o Supremo, essa ação foi uma resposta à colocação do Gen. Vilas Bôas ao revelar em seu livro que os militares pressionaram o STF para que a corte não soltasse o Lula. Nesse sentido, esse acontecimento opera como uma espécie de diversionismo dentro da situação política, deslocando a questão de Lula , onde o STF é cúmplice do golpe de Estado, para uma pseudo luta contra os golpistas, contra a extrema-direita, os fascistas. Essa deve ser a caracterização política da ação do STF. Com a corte totalmente desmoralizada, a prisão do deputado bolsonarista busca resgatar o moral dos sicofantas de toga.

Outro ponto a ser considerado é o caráter ditatorial da Corte. O STF é completamente antidemocrático e interpreta a constituição de acordo com seus interesses, passando por cima da Constituição em diversas ocasiões. Vale destacar que a liberdade de pensamento é consagrada na Constituição Federal de 1988, no artigo 5º, IV, ao dispor “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”. Dessa forma, o STF escancara que é um órgão que se considera acima da constituição, impetrando uma verdadeira ditadura contra os direitos democráticos da população, como foi o caso da proibição da participação do ex-presidente Lula nas eleições de 2018. Mesmo sub judice, Lula não participou das eleições, levando à vitória da farsa com a eleição de Jair Bolsonaro.

A despeito do papel do STF no golpe de 2018 e seu envolvimento na operação Lava Jato, boa parte da esquerda vem adulando a Corte com a falsa ideia da defesa da democracia. No entanto, a verdade é que o apoio dado pela esquerda ao STF cria a ilusão de que a corte é democrática, o que permite arbitrariedades. Isso dá autoridade para que o STF exerça seu caráter golpista e aprofunde a ditadura no país. O deputado bolsonarista é, em realidade, um bode expiatório para disfarçar o escândalo que foi a intervenção dos militares confessada por Vilas Bôas. Por que Toffoli foi assessorado pelo general Azevedo e Silva? Qual será o julgamento para as ações declaradamente golpistas de Deltan Dallagnol, Sergio Moro e todos os envolvidos na Lava Jato? Ora, hoje em dia não faltam provas e declarações dos próprios participantes de que foi um operação fraudulenta dirigida pelo imperialismo. Não se trata do anátema proferido pelos sacerdotes do imperialismo contra Lula “não temos provas, mas temos a convicção”, no caso dos golpistas, abundam provas.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.