Explosão
Essa é a primeira vez que um membro do governo fala na possibilidade de um atentado
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
libano
Michel Auon, presidente do Líbano | Foto: Reuters

Nesta sexta-feira (7), o presidente do Líbano, Michel Auon, admitiu, pela primeira vez, a possibilidade de a explosão que aconteceu na terça-feira (4) ter sido um atentado causado por um país estrangeiro. O presidente, que havia falado em “negligência” em um primeiro momento, declarou:

“A causa não foi determinada ainda. Há a possibilidade de interferência externa por um míssil ou uma bomba ou outro ato”.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas