Crise no centro imperialista
Prefeito democrata Bill de Blasio justificou decisão alegando ato criminoso de Trump por “incitar insurreição contra o governo dos EUA”.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
2993
Donald Trump, presidente dos EUA | Foto: AP Photo/Gerald Herbert

A prefeitura de Nova York irá cancelar os contratos com a Trump Organization. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (13) em comunicado do prefeito democrata Bill de Blasio: “O presidente incitou uma rebelião contra o governo dos EUA que matou cinco pessoas e ameaçou impedir a transferência constitucional do poder”.

Os contratos cancelados incluem a operação de um carrossel no Central Park, duas pistas de patinação sobre o gelo e um campo de golfe.

Em entrevista, Blasio afirmou que a prefeitura considera um ato criminoso a violência ao Capitólio e que isso dava a ele o direito legal de cancelar os contratos.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas