NY afunda em meio a crise
Prefeito de Nova York anunciou que cidade corre risco de ficar sem equipamentos médicos em até 10 dias devido ao vírus Corona.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
a34a2244abd68e3105bf2e24a3b37d9639217fedw
Uma das principais cidades do mundo à beira do colapso. |

Da redação – As previsões são graves para Nova York em relação ao surto do novo vírus Corona. De acordo com o prefeito da cidade, Bill de Blasio, “Estamos a dez dias de termos uma escassez generalizada”, e complementa, “Se não conseguirmos mais respiradores, as pessoas vão morrer”.

Hoje, o estado de Nova York é o epicentro da pandemia do vírus Corona nos Estados Unidos, sendo responsável por mais da metade dos casos em todo país.

Os EUA tem 31.057 casos e 390 mortes, tendo um aumento de 4 mil casos em 24 horas.

O Estado Federal anunciou que Nova York terá acesso a bilhões de dólares, no entando De Blasio ainda critica a falta de compromisso de Trump com o vírus Corona.

Além disso, o prefeito afirma que estamos nos aproximando da pior crise desde a Grande Depressão em 1930. Os médicos já denunciam a escassez de medicamentos e equipamentos de proteção, ao mesmo tempo que os próprios equipamentos de socorro as vitimas vão se acabando.

Em muitos lugares dos EUA os testes estão sendo restringidos, na Califórnia, há a previsão de em um mês acabar os aparelhos de respiração artificial. Enquanto a situação para a população vai de mal a pior o governo Trump socorre os grandes capitalistas que falem na crise.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas