Fim do desconto em folha
O governador golpista Ratinho Jr iniciou o ano com mais um ataque aos servidores estaduais
O governador Carlos Massa Ratinho Junior participa nesta quinta-feira (21),  da segunda edição do Smart City Expo Curitiba 2019. Maior evento de cidades inteligentes do mundo, o Smart City acontece na Expo Barigui. Curitiba, 21/03/2019 -  Foto: Gilson Abreu/ANPr
Governador Ratinho Jr. (PSD): AEN-PR |

O governador golpista Ratinho Jr. (PSD) editou o decreto número 3.793, no dia 20 de novembro, que estabeleceu um programa de recadastramento aos servidores até dia 31 de janeiro para que que o descontos dos sindicatos continue em folha.

O processo de recadastramento terá duas etapas, uma virtual e uma presencial. A etapa virtual foi até dia 8 de janeiro, porém o sistema estava fora do ar.

Os governos golpistas querem enfraquecer os sindicatos, primeiro foi a “reforma” sindical que acabou com a obrigatoriedade do imposto e agora querem enfraquecer ainda mais criando um sistema burocrático para que os trabalhadores parem de pagar os sindicatos.

Os sindicatos representam uma força real da classe operária e dos trabalhadores das diversas áreas, porém a facilidade do desconto em folha está ameaçada.

Lutar para manter a independência financeira dos sindicatos, que em época de golpe está diretamente ameaçada pelos “fascistas” como o governador do Paraná Ratinho Jr, é a prioridade de todos os trabalhadores paranaenses, que não devem medir esforços e pressão sobre as direções dos sindicatos, para que os descontos continuem, pois os sindicatos apresentam uma ameaça aos golpistas.

O ano de 2020 será um ano de intensas lutas, pois estamos em janeiro e os ataques vem de todos os lados, com a “reforma” da Previdência nos estados, como ocorreu no Paraná,  e agora esse ataque aos sindicatos.

Relacionadas