Demagogia religiosa
Na falta de uma política real de enfrentamento ao coronavírus, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) somou-se ao dia de oração e jejum contra o coronavírus convocado por Bolsonaro..
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
24set2016---marquinhos-trad-psd-1474731568262_1024x768
Sem saber o que fazer, Marquinhos Trad convoca a população a rezar e jejuar. Foto: Reprodução. |

O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), publicou um vídeo em suas redes sociais na quinta-feira (02) em que, seguindo a mesma linha política do governo Jair Bolsonaro, conclama a população a participar de uma corrente de oração virtual contra o coronavírus das 10 às 11 da manhã no domingo.

Em uma entrevista à Jovem Pan, Bolsonaro anunciou que fizera um acordo com lideranças evangélicas de distintas denominações  – Silas Malafaia, Marco Feliciano, Valdemiro Santiago, Edir Macedo, Luiz Hermínio, R.R. Soares, Josué Valandro, André Valadão, René Toledo, Silas Câmara, Abner Ferreira,  Juanribe Pagliarini, Abe Huber, Mário de Oliveira – para a convocação de um dia de oração e jejum pelas vítimas e para combater a pandemia do coronavírus a ser realizado no domingo. A Ministra da Família Damares e o juiz Marcelo Bretas confirmaram participação.

Na falta de medidas reais de enfrentamento ao coronavírus, os governos direitistas utilizam-se da demagogia religiosa para tentar enganar a população. Enquanto a população experimenta o desemprego, o aprofundamento da miséria, a falta de leitos hospitalares no sistema público de saúde e o abandono completo por parte do poder público, as lideranças políticas e religiosas da direita propõem oração e jejum como medidas concretas para enfrentar o problema.

O que a convocação deste evento demonstra é a total falta de política por parte da direita para lidar com o problema do coronavírus. Resta comprovar, por meio da experiência prática, se a corrente de oração e o jejum será efetiva para resolver a crise causada pela pandemia. A demagogia religiosa é o último recurso da extrema-direita, encurralada pela política de destruição econômica e ataques aos direitos do povo levada a cabo com particular intensidade após o golpe de Estado de 2016.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas