Descontrole
Os disparos foram efetuados com pistola e fuzil

Por: Redação do Diário Causa Operária

Neste domingo (28), um policial militar fardado, com o rosto pintado de verde e amarelo, teve o que foi chamado pela corporação de um “surto psicótico”. Gritando frases como “venham testemunhar a honra e a desonra de um policial do Estado da Bahia!”, ele dá disparos para o alto com sua arma.

Outra frase que ele grita foi “Não vou deixar, não vou permitir que violem a dignidade e honra do trabalhador”.

Negociadores do BOPE procuraram conversar com o indivíduo descontrolado e apaziguar a situação.

Confira abaixo o vídeo:

Send this to a friend