Aldeia Novos Guerreiros
Direita realiza nova ofensiva contra os indígenas Pataxó da Aldeia Novos Guerreiros em Porto Seguro (BA)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
pf aldeia novos guerreiros (1)
Policiais Federais entrando na aldeia. | Imagem: reprodução

Os indígenas Pataxó da aldeia Novos Guerreiros, na terra indígena de Ponta Grande, entre os municípios de Porto Seguro e Santa Cruz de Cabrália na Bahia, estão novamente sob a mira da direita para serem despejados de suas terras.

A tentativa de despejo está se arrastando há vários dias, desde que o juiz Pablo Enrique Carneiro Baldivieso numa decisão completamente arbitrária deu 5 dias para que as famílias Pataxó se retirassem de suas terras em benefício de grileiros de terra da região, como o Fly Clube Aeroclube.

A Polícia Federal chegou a se deslocar até a aldeia Novos Guerreiros e anunciar o despejo no dia seguinte, mas a disposição dos indígenas em lutar contra a ação mudou os planos da direita golpista e deu mais uma semana para as famílias se retirarem. O prazo apresentado pelos fascistas da Polícia Federal se encerra na próxima quinta-feira (03/09).

Há uma enorme ofensiva dos latifundiários na região. Despejos de famílias do projeto Mangabeira, do Projeto ‘Moradia para Todos’, dos ataques contra um acampamento no distrito de Santo André, invasão pela PM e PF no Assentamento Jaci Rocha e contra os indígenas Pataxó mostram uma unidade dos latifundiários, grileiros de terra, polícia e judiciário.

Fica evidente a necessidade de uma enorme campanha denunciando o judiciário e os despejos e é preciso unificar a luta dos trabalhadores que lutam por seus direitos e na luta pela terra para impedir os despejos da maneira que for necessária.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas