Repressão democrática
Cerca de 15 mil manifestantes são duramente reprimidos na região central da Alemanha

Por: Redação do Diário Causa Operária

Portando cartazes com os dizeres “Não há vacinação compulsória” e “A democracia não tolera censura”, cerca de 15.000 manifestantes de toda a Alemanha realizaram um protesto na cidade de Kassel, região central do país. A manifestação foi convocada por grupos de extrema-direita, contra o lockdown e outras regras restritivas.

A polícia reprimiu o protesto, fazendo uso de canhões de água e spray de pimenta. Manifestantes regiram jogando garrafas contra a polícia. Informes da imprensa local incluem um pequeno grupo pró-vacina atuando junto da polícia na repressão aos manifestantes.

Send this to a friend