Siga o DCO nas redes sociais

Presente de grego no Natal
PM invade, atira e despeja 100 famílias de ocupação em MG
Ação brutal ocorreu na tarde de ontem (25); ao menos dois sem terra foram detidos
Captura de Tela 2019-12-26 às 14.06.49
Presente de grego no Natal
PM invade, atira e despeja 100 famílias de ocupação em MG
Ação brutal ocorreu na tarde de ontem (25); ao menos dois sem terra foram detidos
Sem terra da ocupação, no momento da invasão da PM. Foto: Viomundo
Captura de Tela 2019-12-26 às 14.06.49
Sem terra da ocupação, no momento da invasão da PM. Foto: Viomundo

Da redação – Na tarde dessa quarta-feira (25), os sem terra da ocupação Monte Cristo, em Santa Luzia (MG), receberam um presente de grego natalino. Por volta das 15h30, a Polícia Militar estadual invadiu a ocupação, sem mandado judicial, para despejar as cerca de 100 famílias que lá estavam.

A invasão foi violenta, com a utilização ostensiva de bombas de gás lacrimogêneo e disparos contra idosos e crianças, segundo denúncia do deputado federal Alencar Braga. Os pertences pessoas das famílias foram incendiados, como documentos e alimentos.

Além disso, dois sem terra foram detidos na operação que ocorreu sem aviso prévio por parte do aparato repressivo do governador fascista Romeu Zema (NOVO). Membros da Rede Nacional de Advogados e Advogadas Populares (Renap) conseguiram sua liberação mais tarde. Dentre as famílias, haviam 20 crianças na ocupação, que sofreram com os efeitos do gás e da invasão cruel.

Os sem terra precisam reagir imediatamente, criando comitês de autodefesa, assim como estão fazendo os índios do Maranhão. É direito dos sem terra se protegerem contra as bárbaras arbitrariedades e ilegalidades das forças de repressão estatais e paraestatais.