Rio de Janeiro
População da Cidade de Deus acorda sob o terror dos ataques da Polícia Militar na manhã desta quarta-feira, dia 26
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Design sem nome
Perseguição fascista na Cidade de Deus | Fernando Frazão, Agência Brasil

Na manhã desta quarta-feira, dia 26, a Polícia Militar realizou uma “operação” na Cidade de Deus, zona oeste do Rio de Janeiro, apesar da proibição do STF sobre operações durante a pandemia do novo coronavírus. A PM afirma que foi uma “ação excepcional” que visou “verificar denúncias, coibir práticas criminosas e remover obstáculos colocados em vias públicas da Cidade de Deus”.

Segundo informações dadas pela própria PM, dois homens foram detidos durante a ação na Cidade de Deus e, com eles, um revólver e drogas “a serem contabilizadas”.

A corporação conta com os apoios do GAM (Grupamento Aeromóvel) que realiza “monitoramento” com o uso de drones, o GESAR (Grupamento Especial de Salvamento e Ações de Resgate), 18º BPM (Jacarepaguá), batalhões subordinados ao 2º Comando de Policiamento de Área (Zona Oeste) e o BAC (Batalhão de Ações com Cães).

Nas redes sociais, os moradores da comunidade denunciaram o tiroteio que houve durante a ação, mas ao ser questionada, a PM resolveu se calar sobre o fato. É uma postura sistemática da corporação, que comete sistematicamente crimes contra a população, sobretudo a mais pobre e negra, mas quando questionada, omite seus crimes.

Mesmo que a imprensa burguesa acoberte o genocídio que acontece contra a população pobre e negra chamando o massacre de “operação”, fica claro que a Polícia Militar pouco se importa com a proibição dada pela Justiça golpista, e tampouco se importa com a vida daqueles que dizem defender nas periferias.

Esperar que o fim da repressão policial se dê por determinações de instituições golpistas, como o Judiciário, jamais impedirá a perseguição que acontece covardemente nessas comunidades, a solução está nas ruas. É preciso dissolver a Polícia Militar! 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas