PM agride mulher no ato em Maceió

No dia de luta das mulheres (8) em Maceió, a Polícia Militar deu mais um exemplo de covardia e brutalidade, demonstrando que de fato seu objetivo é reprimir o população.PM agride mulher no ato em Maceió 1

PM agride mulher no ato em Maceió

O ato em Maceió estava fechando a rua Moreira e Silva, impedindo os carros de passar. A polícia decidiu não respeitar o ato e começou a usar a força para abrir o caminho para os ônibus passarem. Nesta ação agrediu todos aqueles que estavam na parte de trás do ato, machucando três mulheres que ali estavam.

Nem as mulheres se salvam da brutalidade da PM. Esta instituição foi criada para agredir, reprimir e assassinar o povo trabalhador. Por isso, ela deve acabar, e o exemplo de Maceió, onde vários brutamontes agrediram mulheres, é uma prova disso.

Veja o vídeo: