PM, a serviço dos capitalistas: mulheres do MST e MAM bloqueiam ferrovia da Vale e são reprimidas por policiais
manifestação_Sarzedo
PM, a serviço dos capitalistas: mulheres do MST e MAM bloqueiam ferrovia da Vale e são reprimidas por policiais
manifestação_Sarzedo

Da redação – Nessa quinta-feira (14), a PM fascista mais uma vez protagoniza um ato de repressão em favor da burguesia e contra o povo.

Dessa vez, foi contra uma ocupação de 400 mulheres do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra) e do MAM (Movimento Pela Soberania Popular na Mineração) em uma ferrovia que transporta minério de ferro extraído de Sarzedo (MG), cidade vizinha de Brumadinho.

As mulheres estavam se manifestando pela memória de Marielle Franco e por justiça às vítimas do rompimento da barragem de Brumadinho quando foram surpreendidas por uma ação violenta da PM que deixou feridos 10 militantes e o jornalista Nacho Lemus, da Telesur. Os policiais se utilizaram de bombas e balas de borracha na sua repressão.