Dados indicam PIB zero em 2020
Governo é obrigado a fazer novas projeções do PIB para 2020, e ao que tudo indica ele estará entre zero a 0,5%.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
1-crise-brasil-1
Crise geral na economia é impulsionada por coronavírus. |

Da redação – Na semana anterior (11 de março) o governo federal havia anunciado uma projeção da expansão do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano de 2020 para 2,1%. O mesmo já era uma revisão feita em meio ao desenrolar da crise econômica mundial.

No entanto, agora que o coronavírus chega com intensidade no território brasileiro ocasionando sérios agravantes a situação econômica, o governo brasileiro novamente se vê obrigado a revisar as projeções do PIB para estes ano.

O relatório será divulgado ainda hoje durante o dia por meio do informe das receitas e despesas do Orçamento de 2020. Na semana passada, a projeção de acordo com o mercado era de 1,68%, contudo, o secretário especial de Fazendo do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, já informou que de acordo com várias projeções a indicativa é de PIB zero no país.

Os mais otimistas colocam com a possibilidade de até 0,5% de crescimento, de acordo com dados oficiais. A queda do PIB brasileiro acompanha a paralisia geral da economia mundial e a recessão global, do qual joga para baixo o PIB mundial, em uma taxa de -1,1%, sendo que nos EUA a recessão será de 1,5%, a pior desde 2009.

Além do PIB zero, o governo brasileiro é conhecido por mascarar e falsificar dados para beneficio próprio, ou seja, há fortes possibilidades que de na realidade o PIB brasileiro seja negativo neste ano, representando uma catástrofe econômica histórica ao país.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas