PF vai controlar eleições no 2º turno com desculpa de “investigar crimes eleitorais”

policia-feederal

Da redação – A Polícia Federal deflagrou hoje (24) através da operação “Olhos de Lince” o alegado objetivo de coibir crimes relacionados às eleições. Entre os crimes apurados estão os de violação do sigilo do voto e de incitação à homicídio.

O Centro Integrado de Comando e Controle Eleitoral está cumprindo as ações em Pernambuco, São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Com essa desculpa a Polícia Federal está, de mais uma maneira, controlando as eleições e perseguindo a esquerda nas redes sociais. Essa instituição golpista não apurará denúncias contra a direita e sim tentará perseguir mais a esquerda. A fórmula da Polícia Federal é conivência com a direita e perseguição à esquerda.

Lembramos que a PF, com estreitas ligações com o imperialismo norte-americano, é um dos principais agentes da fraude nestas eleições e já cumpriu diversos mandados de busca de maneira ilegal em sedes do PT e PCdoB, bem como confiscou material de campanha da esquerda sobre Lula. Ela está em todo o Brasil para garantir a fraudulência das eleições.