PF indicia Lula e filho por suposta lavagem de dinheiro: mais uma tentativa de incriminar Lula com base em delação

Pf indicia Lula e filho por suposta lavagem de dinheiro

Da redação – Mais um episódio da incessante perseguição política contra Lula começa a se desenrolar agora. A Polícia Federal controlada pela CIA indiciou o ex-presidente e o seu filho Luís Cláudio por lavagem de dinheiro e tráfico de influência por conta de pagamentos à empresa de marketing esportivo “Touchdown”.

Com base em uma delação premiada do ex-executivo Alexandrino Alencar, a PF diz que Lula teria pedido para Emílio Odebrecht auxiliar financeiramente a empresa recém-criada pelo seu filho, que atuava na área de marketing esportivo.

A defesa de Lula respondeu que “mesmo que o relato de Alexandrino Alencar seja verdadeiro, os fatos teriam acontecido após Lula ter deixado a presidência, quando não exercia nenhum cargo público e sequer seriam atos ilegais.”

Ou seja, não há nada de ilegal na conduta do ex-presidente. Além do que, é importante ressaltar que a delação premiada nada mais é do que uma forma de pressionar um acusado a dizer para os agentes o que eles querem ouvir a fim de receber um alívio em sua condenação, então deve-se sempre duvidar do que é dito nesses processos.

Mais um processo criado sem a apresentação de nenhuma prova de atos ilícitos de Lula demonstra que a caça (com cedilha mesmo) aos seus direitos e consequentemente de toda a população não vão cessar enquanto não houver uma mobilização de massas para lutar por sua soltura. A população deve se mobilizar e sair às ruas pedindo a Liberdade para Lula, inclusive amanhã (22), quando ele irá depor na Polícia Federal.