Siga o DCO nas redes sociais

Privatização
Petrobras: governo anuncia maior leilão de óleo e gás do mundo
O megaleilão que será realizado nesta quarta-feira (6) será um dos maiores ataques à soberania nacional do governo Bolsonaro. Milhões de barris de petróleo serão privatizados.
plataforma_de_petroleo
Privatização
Petrobras: governo anuncia maior leilão de óleo e gás do mundo
O megaleilão que será realizado nesta quarta-feira (6) será um dos maiores ataques à soberania nacional do governo Bolsonaro. Milhões de barris de petróleo serão privatizados.
Foto: divulgação / Petrobras
plataforma_de_petroleo
Foto: divulgação / Petrobras

Da redação – Marcado para quarta-feira (6), o megaleilão do excedente da cessão onerosa foi anunciado pelo governo como sendo o maior leilão de óleo e gás já feito no mundo em termos de potencial de exploração de petróleo e de arrecadação.

O dado revela a amplitude da política neoliberal de privatização das riquezas nacionais realizada pelos golpistas através do governo Bolsonaro. Trata-se de um profundo ataque contra a população, que entrega à preço de banana uma das principais riquezas do país para os capitalistas estrangeiros: o pré-sal.

O governo está oferecendo quatro áreas do pré-sal na Bacia de Santos, uma das mais importantes do Brasil.

No megaleilão serão definidas as empresas que vão retirar óleo de reservas do pré-sal chamadas de excedente da cessão onerosa, que recebe este nome porque o petróleo dessas reservas excede os 5 bilhões de barris garantidos pelo governo à Petrobras na operação da cessão onerosa de 2010.

Segundo analistas da burguesia, o leilão se compara a uma operação de aquisição de uma petroleira de médio porte, por conta do valor envolvido e porque são reservas já conhecidas e prontas para serem exploradas que estão sendo oferecidas.

A Petrobras já realizou toda a pesquisa em cima das reservas, sabe que tem milhões da barris de petróleo a serem extraídos, e agora Bolsonaro e Paulo Guedes irão entregar, de forma totalmente capacho, as reservas para os capitalistas estrangeiros, que se aproveitam do avanço realizado pela estatal brasileira.

Segundo O Globo, “a ANP estima que existam entre 6 bilhões e 15 bilhões de barris de óleo equivalente excedente na área”.

Trata-se de um verdadeiro ataque contra o povo brasileiro e contra a soberania do país. O pré-sal é um dos principais motores econômicos que garantem uma relativa soberania ao Brasil. Agora, Bolsonaro irá entregar tudo aos monopólios do setor petrolífero. Por isso, é preciso sair às ruas e exigir Fora Bolsonaro!