Enrolação
A partir do dia 29 de junho, os municípios pernambucanos das IV e V Geres irão receber uma medida social de reforço no combate a pandemia com distribuição de 470 mil máscaras
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
capturar2 (1)
Máscaras a serem distribuídas | Foto: Valdinei Malaguti

A partir desta segunda-feira dia 29 de junho, os municípios pernambucanos que compunham as IV e V Gerências Regionais de Saúde (Geres) irão receber uma medida social de reforço no combate a pandemia de covid-19. A ação do Governo de Pernambuco será baseada na distribuição de 470 mil máscaras, reutilizáveis após lavagem, nos 53 municípios das Geres IV e V.

Para os 32 municípios pertencentes a Geres IV, que tem seu polo em Caruaru, serão distribuídas 321 mil máscaras. No município de Caruaru estão os números mais expressivos, com 61,6 mil itens para uso adultos e 18,4 mil para uso infantil, totalizando 80 mil itens para o município.

Os 32 municípios que compunham a Geres IV são: Agrestina, Alagoinha, Altinho, Barra de Guabiraba, Belo Jardim, Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Cachoeirinha, Camocim de São Félix, Caruaru, Cupira, Frei Miguelinho, Gravatá, Ibirajuba, Jataúba, Jurema, Panelas, Pesqueira, Poção, Riacho das Almas, Sairé, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Bento do Una, São Caetano, São Joaquim do Monte, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Toritama e Vertentes.

Os outros 21 municípios que compreendem a Geres V, com polo em Garanhuns, irão receber 149 mil máscaras, destas 50 estão reservadas para Garanhuns. O municípios que formam a Geres V são: Águas Belas, Angelim, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçados, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Garanhuns, Iati, Itaíba, Jucati, Jupi, Lagoa do Ouro, Lajedo, Palmeirina, Paranatama, Saloá, São João e Terezinha. Também foram reservados 110 mil máscaras a população indígenas dessas regiões 

Chama atenção o baixo número de máscaras, insuficientes para garantir a segurança dos moradores. Analisando o número 80 mil na cidade polo para Caruaru tem populações de 278 mil, se distribuem uma máscara por habitante o que é deficiente, só atingiríamos 28,8% da população, um número ínfimo diante da realidade pandêmica que vivemos. 

O mais importante a ser colocado é que apenas distribuição de máscaras é insuficiente para combate a pandemia. Sem uma política complementar com testagem massiva, ampliação significativa dos leitos hábitos a tratarem covid-19 e aquisição de ventiladores pulmonares a distribuição de máscaras se torna uma demagogia, que buscar disseminar segurança no cidadão incauto.

Essa entre outras manobras demagógicas dos governos devem ser duramente denunciadas e combatidas. Elas interferem nas organização popular e permitem que os governos sigam impune e omissos perante a pandemia de covid-19.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas