Pelo grupo H, em decisão dramática, Japão e Colômbia avançam às oitavas de final

colombia

Os dois últimos grupos (G e H) a definirem as seleções que estarão na próxima fase da Copa do Mundo da Rússia realizaram seus jogos nesta quinta-feira. Pelo Grupo G se confrontaram duas seleções já classificadas, estando em disputa a primeira e a segunda colocação. Inglaterra e Bélgica fizeram uma partida morna, com as duas equipes colocando em campo formações mistas, poupando suas melhores peças para o duelo de mata-mata das próximas fases. Sem muitas emoções, as duas seleções levaram no banho-maria a partida, num típico jogo de compadres. A Bélgica, no entanto, foi mais incisiva nos ataques e acabou abrindo o placar aos seis minutos do segundo tempo, num bonito arremate de Januzaj. O resultado deixou os belgas na primeira colocação do grupo, com nove pontos, tendo vencido as três partidas que disputou. A Inglaterra ficou com a segunda vaga. O confronto pelas oitavas de final terá Bélgica x Japão e Inglaterra x Colômbia.

Na decisão mais dramática e emocionante do dia, o grupo H somente conheceu um dos seus representantes nas oitavas de final através do estranho critério disciplinar, o número de cartões amarelos. Ao ser derrotado pela já eliminada Polônia, o Japão ficou em situação delicada e passou a disputar a segunda vaga com o Senegal, que foi derrotado pela Colômbia. Os dois resultados deixaram as duas seleções (Japão e Senegal) em total igualdade em todos os quesitos principais usados como critério para o desempate. Levou a melhor o Japão, que ficou em segundo lugar e enfrentará a Bélgica na próxima fase.

Em primeiro lugar ficou a seleção sul-americana da Colômbia, que junta-se às outras seleções do continente também classificadas (Brasil, Argentina e Uruguai). Depois de um tropeço inicial – quando foram derrotados pelos japoneses – os colombianos se recuperaram e venceram as duas outras partidas, contra a Polônia e Senegal, chegando aos seis pontos, na liderança do grupo. O gol que garantiu a ida da Colômbia às oitavas de final foi marcado pelo zagueiro Mina, aos 29 minutos da etapa complementar, numa cabeçada certeira e indefensável.

A Colômbia é mais uma seleção sul-americana a se classificar para a próxima fase, num grupo onde figurava uma seleção europeia, que não disse a que veio na Copa. Estamos falando da Polônia, que ficou em último lugar no grupo, com apenas três pontos. A eliminação do Senegal marcou também a última chance de ter uma equipe africana na próxima fase, fato que não ocorria há várias edições da competição mundial.