PCO realiza palestra-debate em Fortaleza

fotodco21.04

Realizou-se neste sábado, na CUT Fortaleza (CE), a palestra debate “A luta contra o golpe, a prisão de Lula e a intervenção militar”.

Contando com a presença de professores, agentes de saúde, servidores, entre outros trabalhadores, a palestra faz parte do ciclo de atividades que o PCO está desenvolvendo nacionalmente contra o golpe em curso no País.

Foi enfatizado durante a colocação do companheiro Renan, membro da direção nacional do Partido, a importância da atividade como parte da construção de uma mobilização revolucionária de massas, que aponte para um enfrentamento contra o golpe.

A experiência dos últimos anos demonstrou de forma definitiva que a pressão sobre o Congresso e o Judiciário é um beco sem saída para os trabalhadores. O enfrentamento contra o golpe só pode ser efetivo se estiver voltado contra as instituições do regime político absolutamente podre da burguesia.

Além das causas que levaram à derrota do movimento expressa com a prisão do ex-presidente Lula, na discussão foi salientado que essa derrota não foi definitiva, mas, muito pelo contrário, existe uma efetiva agudização da polarização política do país e que uma política correta, que tenha como base um método de ação que efetivamente entre em choque com o golpe é possível sair da defensiva, aumentar a polarização e abrir a perspectiva do movimento ir para a ofensiva política contra o regime político.

O debate que se seguiu após a palestra girou em torno justamente do programa apresentado pelo Partido, que tem como eixo central lutar pelos direitos democráticos da população, entre eles, a luta pela libertação de Lula e de todos os presos politicos do regime.

Foi discutido, ainda, o papel fundamental que os comitês de luta podem cumprir na organização e na mobilização nos bairros populares e nos locais de trabalho.