Siga o DCO nas redes sociais

Mais repressão
PCdoB comemora criação de nova polícia para reprimir o povo
A esquerda pequeno-burguesa e seu gosto pela cadeia
sdfs
Mais repressão
PCdoB comemora criação de nova polícia para reprimir o povo
A esquerda pequeno-burguesa e seu gosto pela cadeia
Foto: Christiano Antonucci, Fotos Públicas.
sdfs
Foto: Christiano Antonucci, Fotos Públicas.

A esquerda pequeno burguesa tem abandonado alguns princípios da esquerda. Um deles é o da denuncia de que a chamada política de segurança defendida pela burguesia é na realidade um disfarce cuja única função é aumentar a repressão e colocar pobres e negros na cadeia.

É uma adaptação às pressões exercidas pelos capitalistas, que procuram com a cobertura da esquerda, justificar essa política repressiva. Essa adaptação ideológica coloca a esquerda lado a lado com as forças mais reacionárias do imperialismo. Normalmente, é produto de uma política eleitoral e portanto oportunista, o que faz com que a esquerda abandone princípios fundamentais, como por exemplo, o entendimento de que o crime e a violência são produtos da situação social precária sob o capitalismo.

Nessa linha, o PCdoB apoiou e comemorou a criação de mais uma polícia. Agora, além da federal, da Força Nacional, da Civil, da Militar e outras, o brasileiro de bem pode comemorar a criação da polícia penal.

Logicamente, o PCdoB encontra ótimos motivos para defender mais essa barbaridade que vai servir de máquina contra o povo, mas fato é que está criada mais um instrumento de repressão.

Ultimamente, seguindo cegamente a política demagógica do imperialismo, toda a esquerda pequeno burguesa entrou de cabeça na política reacionária de defesa de mais repressão, controle e censura contra o cidadão que ela considera um inimigo das mulheres, dos LGBTs, dos negros etc. Sob a moralidade pseudo esquerdista e com a desculpa de defender os direitos dos oprimidos, a esquerda colocou em marcha a política de chave de cadeia. Os problemas do mundo deixaram de ser problemas sociais e passaram a ser caso de polícia.

Tudo, logicamente, é uma enorme farsa e tal política só vai servir mesmo para aumentar ainda mais a repressão do Estado contra o cidadão. Os verdadeiros opressores, que controlam o Estado, vão continuar impunes e com ainda mais poder, agora respaldado pela esquerda.

O PCdoB, com o apoio a criação de mais uma polícia, aprofunda essa política da esquerda pequeno burguesa. Toda a força para o Estado capitalista, dizem eles. Esse Estado dominado pelos “democráticos” bolsonaristas.