Mais repressão
A esquerda pequeno-burguesa e seu gosto pela cadeia
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Alta Floresta MT 15 10 2019  Autoridade do governo de Mato Grosso  GMF visitam  à Cadeia Pública de Alta Floresta foto Christiano Antonucci
Foto: Christiano Antonucci, Fotos Públicas. |

A esquerda pequeno burguesa tem abandonado alguns princípios da esquerda. Um deles é o da denuncia de que a chamada política de segurança defendida pela burguesia é na realidade um disfarce cuja única função é aumentar a repressão e colocar pobres e negros na cadeia.

É uma adaptação às pressões exercidas pelos capitalistas, que procuram com a cobertura da esquerda, justificar essa política repressiva. Essa adaptação ideológica coloca a esquerda lado a lado com as forças mais reacionárias do imperialismo. Normalmente, é produto de uma política eleitoral e portanto oportunista, o que faz com que a esquerda abandone princípios fundamentais, como por exemplo, o entendimento de que o crime e a violência são produtos da situação social precária sob o capitalismo.

Nessa linha, o PCdoB apoiou e comemorou a criação de mais uma polícia. Agora, além da federal, da Força Nacional, da Civil, da Militar e outras, o brasileiro de bem pode comemorar a criação da polícia penal.

Logicamente, o PCdoB encontra ótimos motivos para defender mais essa barbaridade que vai servir de máquina contra o povo, mas fato é que está criada mais um instrumento de repressão.

Ultimamente, seguindo cegamente a política demagógica do imperialismo, toda a esquerda pequeno burguesa entrou de cabeça na política reacionária de defesa de mais repressão, controle e censura contra o cidadão que ela considera um inimigo das mulheres, dos LGBTs, dos negros etc. Sob a moralidade pseudo esquerdista e com a desculpa de defender os direitos dos oprimidos, a esquerda colocou em marcha a política de chave de cadeia. Os problemas do mundo deixaram de ser problemas sociais e passaram a ser caso de polícia.

Tudo, logicamente, é uma enorme farsa e tal política só vai servir mesmo para aumentar ainda mais a repressão do Estado contra o cidadão. Os verdadeiros opressores, que controlam o Estado, vão continuar impunes e com ainda mais poder, agora respaldado pela esquerda.

O PCdoB, com o apoio a criação de mais uma polícia, aprofunda essa política da esquerda pequeno burguesa. Toda a força para o Estado capitalista, dizem eles. Esse Estado dominado pelos “democráticos” bolsonaristas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas