Ditadura fascista na Colômbia
Milícias fascistas de extrema direita integradas por mercenários e com suporte do governo e do imperialismo norte-americano perseguem adversários políticos.
asesinato-de-desmovilizados-colombia-farc
Protesto contra os massacres na Colômbia. | Foto por: reproduação.
asesinato-de-desmovilizados-colombia-farc
Protesto contra os massacres na Colômbia. | Foto por: reproduação.

O Partido Comunes, atingo FARC, denunciou nesta segunda o assassinato de mais um ex-combatente do movimento. Juan Carlos Correa de 35 anos, teria sido parado em sua moto e sequestrado na cidade de San Andrés de Cuerquia, em Antioquia, no sábado (23). O corpo foi achado horas depois.

Dirigentes do partido denunciam também o desinteresse e despreparo da polícia de Antióquia, que até o início desta segunda (25) não teriam reconhecido que o corpo de Juan Carlos havia sido localizado, não confirmando também seu assassinato.

Em menos de um mês este já é o quinto ex-combatente das FARC assassinado na Colômbia, um país marcado por massacres praticamente diários de lideres populares e ativistas opositores do governo do fascista Ivan Duque, um capacho do imperialismo norte-americano.

Relacionadas
Send this to a friend