Crise aumenta
Enclave do imperialismo poderá ter sua quarta eleição em apenas dois anos
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Knesset
Parlamento israelense | Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (2), o Parlamento israelense aprovou, em votação preliminar, um projeto de lei que prevê a sua própria dissolução. A medida, que foi apresentada pela oposição, recebeu o apoio de Benny Gantz, ministro da Defesa e uma peça-chave na coalizão de governo do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. Sem o apoio de Gantz, Netanyahu não teria conseguido formar um governo. Caso a dissolução seja finalmente aprovada, Israel terá eleições antecipadas — a quarta em apenas dois anos.

A votação no Parlamento mostra a crise gigantesca do governo de extrema-direita de Netanyahu, que tem também enfrentado uma série de manifestações de rua.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas