Para economizar, INSS procura cortar auxílio invalidez de 100 mil trabalhadores, em SC

tim

Em Santa Catarina o governo golpista pretende revisar, ou seja, eliminar 100 mil benefícios de aposentadoria por invalidez e auxílio-doença. O governo vem realizando, através do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), um “pente-fino” nos benefícios sob o pretexto de averiguar irregularidades. Naturalmente que não se trata disso, mas de “economizar” recursos do Estado cortando os direitos mais fundamentais da população.

De agosto de 2016 a Junho deste ano já foram cancelados 26.443 benefícios e outros cerca de 50 mil foram revisados, para menos, logicamente. A operação seguirá até a Janeiro de 2019 no Estado, já que a meta dos golpistas é eliminar 100 mil benefícios. Essa política criminosa se estende aos demais Estados do país.

O governo informou que já houve uma redução nos pagamentos do Estado da ordem de R $ 800 milhões. Uma Política tipicamente neoliberal, a eliminação de um direito, mesmo de pessoas que não tem outra possibilidade de recursos, que serão jogada na miséria total, para atender as diretrizes fiscais do banqueiros.

Um governo que corta os únicos recursos que pessoas inválidas ou doentes têm para sobreviver é um governo de criminosos da pior espécie.