Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
dito - forum barra funda - 08-08-2019
|

No último oito de agosto, o Comitê em defesa do Movimento Popular realizou ato em frente o fórum Criminal da Barra Funda para exigir a liberdade das lideranças das ocupações do centro, Preta Ferreira, Angélica, Ednalva e Sidnei.

Dito disse que os líderes foram alvo de uma série de intimações, e de intimidações, mas nunca se recusaram a comparecer na Justiça. Mesmo assim, no feriado de 20 de junho, de Corpus Christi, tiveram as prisões decretadas. (Rede Brasil Atual – 08/08/2019)

“É inadmissível que eles estejam presos injustamente, por conta de uma relação que eles têm com a moradia popular e digna. Eles estão fazendo papel que seria do Estado, que não cumpre sua obrigação constitucional de garantir a moradia popular para as pessoas mais humildes terem acesso à moradia digna”, afirmou a vereadora Juliana Cardoso (PT), no ato em frente ao fórum. (idem)

Essas lideranças estão presas preventivamente desde o dia 24 de junho e, apesar de não haver nenhum fundamento a acusação, o Ministério Público de São Paulo deu a como crime, ou seja, são criminosos por defender moradia para a população que não tem onde morar.

Foram indiciadas 19 lideranças, sendo que estão presos Sidnei, Preta Ferreira, Edinalva e Angélica, no entanto, foram decretadas a prisão de mais cinco membros. É assim que funciona, o governador de São Paulo, João Doria do PSDB invade uma área em Campos do Jordão e, como é da turma do golpe, onde o judiciário, que mantem, também de forma arbitraria o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Lula) para ele Doria nada acontece, essas lideranças que querem inclusive evitar que esses moradores nos prédios abandonados pelos capitalistas há muito tempo, mandando-os para albergues, um contingente de mais de seis mil pessoas, esses sim são criminosos.

Os manifestantes ficaram durante o dia e à noite acampados em frente ao fórum Criminal da Barra Funda para exigir a imediata libertação dessas lideranças.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas