O povo não participou das eleições fraudadas: percentual de votos nulos é o maior desde 1989

nulo

Da redação – O percentual de votos nulos no segundo turno das eleições presidenciais de 2018 passou 7,4%, isto é, mais ou menos 8,6 milhões de pessoas votaram nulo. Somando os votos brancos e as abstenções, a porcentagem chega a quase 40%.

Sendo assim, mais de 40 milhões de pessoas não participaram das eleições deste ano. Ou melhor, alguma dessas participaram, mas optaram por votar nulo por não se sentirem representados pelos candidatos. Muito provável que este número tivesse sido menor caso o candidato contra Bolsonaro fosse Luiz Inácio Lula da Silva, preso político em Curitiba.

Esses dados são demonstrativos da fraude eleitoral. O povo não pode votar em quem quiser, pois ou impedem seu candidato ou são agredidos pela direita, e ainda mais não participa das eleições, pois ficam totalmente excluídos do processo.